:


Política e Mercado Financeiro

AÉCIO E TEMER

O diretório do PSDB emitiu, na noite do último domingo (20), uma nota na qual criticou o encontro entre o senador Aécio Neves e o Presidente Michel Temer, no último sábado (19). Assinado e divulgado pelo vereador Mario Covas Neto – presidente do diretório municipal do partido – o texto afirmava que a presença de Aécio em reuniões com Temer causava “desconforto e embaraços”.

NOVA CRISE NO PSDB?

A nota do vereador gerou críticas de parte de integrantes importantes do PSDB, e pode ter gerado uma nova crise no partido. Também em nota, Aécio Neves informou que o encontro com o presidente teve como objetivo tratar sobre assuntos de interesse da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig).

AUMENTO DO ROMBO FISCAL

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, anunciou, na última terça-feira (15), a revisão da meta fiscal de 2017 e 2018. A proposta do governo visa aumentar o déficit de R$ 139 bilhões para R$ 159 bilhões em 2017 e de R$ 129 bilhões para os mesmos R$ 159 bilhões em 2018. A previsão do governo é de contas no azul somente em 2020.

DECISÃO POLÊMICA

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, decidiu soltar, na última sexta-feira (18) o empresário Jacob Barata Filho e o ex-presidente da Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do RJ (Fetranspor), Lélis Teixeira, presos no mês passado em uma operação ligada à Lava Jato.

RELAÇÃO ÍNTIMA

Esta foi a segunda determinação de soltura de Gilmar Mendes envolvendo Teixeira e Barata Filho na semana. Vale lembrar que o ministro possui relação íntima com um dos acusados, já que é padrinho de casamento da filha de Barata Filho – casada com seu sobrinho.

DÓLAR EM QUEDA

O dólar terminou a última semana em queda de 0,89%, valendo R$ 3,145. O maior recuo da moeda norte-americana aconteceu na sessão de sexta-feira, quando caiu 1,03% após registrar a maior alta em quase dois meses no dia anterior.

IBOVESPA EM ALTA

Enquanto isso, o Índice Ibovespa fechou a semana em alta, impulsionado pelos ganhos das ações da Petrobras, que subiram após a divulgação de medidas que garantem benefícios tributários para o setor petrolífero brasileiro. O índice subiu 2% na semana, aos 68.714 pontos.

Seu Bolso

DE NOVO?

A Justiça Federal do Distrito Federal suspendeu, na última sexta-feira (18), o aumento das alíquotas de Pis/Cofins sobre os combustíveis no Brasil. A determinação exige, ainda, que os preços antigos retornem às bombas imediatamente em todo o país. O governo deve recorrer da decisão.

COMBUSTÍVEIS EM ALTA

Enquanto isso, o preço médio da gasolina voltou a subir no país, de acordo com a Agência Nacional de Petróleo (ANP). Segundo a ANP, o preço médio do combustível subiu 0,1%, para R$ 3,762,assim como o etanol, que teve alta de 0,73%, para R$ 2,613.

BOM PARA O CONSUMIDOR

A taxa média para financiamento imobiliário para pessoas físicas caiu 2 pontos percentuais nos últimos 12 meses, de acordo com dados divulgados pelo Banco Central na semana passada. De acordo com o BC, a taxa ficou em 9,2% em junho deste ano, acompanhando a queda da Selic e acirrando a competição entre os bancos.

SALÁRIO MÍNIMO MENOR

O governo reduziu, na semana passada, a previsão para o aumento do salário mínimo em 2018. De acordo com o Ministério do Planejamento, o salário mínimo deve ficar em R$ 969, ante uma previsão inicial de R$ 979. Atualmente, o valor do salário mínimo é de R$ 937.

Internacional

ATENTADOS PELO MUNDO

A semana foi marcada por atentados pelo mundo. Um ataque terrorista em Barcelona, na Espanha matou 13 pessoas e deixou mais de 100 feridos na última quinta-feira (17), após um motorista marroquino atropelar pedestres em uma das principais regiões da cidade. O Estado Islâmico reivindicou a autoria do ataque.

NA ESPANHA

Menos de 10 horas depois do atentado em Barcelona, cinco suspeitos de promover um novo ataque terrorista na Espanha foram mortos pela polícia na cidade de Cambrils, a 120 km de Barcelona.

FINLÂNDIA E RÚSSIA

Na Finlândia, um outro marroquino matou duas mulheres em um ataque com faca e feriu outras oito pessoas na última sexta-feira (18). No dia seguinte, um homem armado com faca feriu 7 pessoas na Rússia. O Estado Islâmico também reivindicou a autoria do atentado.

O que vem por aí

MARATONA POLÍTICA

O presidente Michel Temer deve realizar, a partir de terça-feira (22), uma verdadeira maratona de encontros com deputados e senadores, a fim de aprovar pautas econômicas de interesse do governo no Congresso. De acordo com um assessor da Presidência, estão previstas, para esta semana, “maratonas” de até 12 horas com parlamentares.

VISITA OFICIAL

Enquanto isso, temer tem um encontro marcado, nesta segunda-feira (21), com o presidente do Paraguai, Horacio Cartes, em visita oficial de Estado no Palácio do Planalto. Entre os temas que estarão na pauta de discussão entre os dois presidentes estão as relações econômicas entre os dois países e a segurança na fronteira entre Brasil e Paraguai.

AGENDA CHEIA

Na agenda do Congresso Nacional está prevista, para esta semana, a votação em Comissão da Proposta da Taxa de Longo Prazo (TLP) para empréstimos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), além de avanços nas negociações para votações de outras reformas interessantes ao governo.

REFORMA POLÍTICA

A Câmara também deve voltar em plenário, nesta semana, a proposta de Reforma Política que cria o “distritão” e um fundo bilionário de R$ 3,6 bilhões para financiamento de campanhas. Para valer na eleição de 2018, a reforma deve ser aprovada até o mês de outubro.

TRUMP DISCURSA

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, deve anunciar, na noite desta segunda-feira (21), uma nova estratégia do país no Afeganistão e no sul da Ásia, de acordo com informações da Casa Branca. O anúncio chega quase 16 anos após o início dos conflitos na região.

 

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *