Receita Líquida (Net Revenue)

O que é a Receita Líquida? Qual a sua importância?

 

É um indicador muito importante para quem está começando a estudar sobre contabilidade ou balanços de empresas. Nada mais é que a quantidade de dinheiro que uma companhia recebe durante um período específico de seu exercício. Ela mostra a competência da empresa em realizar suas vendas e gerir os seus custos, após dedução de despesas e até devolução de mercadorias.

COMO CALCULAR

O cálculo é muito simples e não necessita nada além do entendimento da “Base DRE – Demonstrativos de Resultado Exercício”. Sendo assim, o cálculo é a Receita Bruta menos todas as deduções de venda do produto ou serviços, incluindo impostos incidentes nas vendas, devoluções ou cancelamentos.

 

Receita Líquida = Receita Bruta – Todas as deduções de vendas (podendo ser despesas), junto com devoluções ou cancelamentos, além de impostos incidentes na venda.

Pareceu confuso? Talvez essa imagem (meramente ilustrativa) de uma parte da DRE ajude:

Logo, nota-se que ela é líquida por levar em consideração no cálculo as deduções das vendas. Vale lembrar que em companhias abertas, esse cálculo nem é necessário, uma vez que as empresas já disponibilizam nos “releases trimestrais” ou em documentos DFP (Demonstrações Financeiras Padronizadas).

 

ENTENDENDO A RECEITA LÍQUIDA

A receita é considerada a quantidade de dinheiro que entra para a empresa, depois de efetuar a venda de seus produtos ou serviços.

É bom ressaltar, que muitas vezes, as companhias antecipam a venda de produtos ou serviços antes mesmo dele existir ou na metade de sua conclusão. Quando isso acontece, a companhia recebe “recibos” que não necessariamente vão se transformar em receita. A receita só acontece após a empresa vender o seu produto ou serviço finalizado. Nesse meio tempo, caso aconteça algum problema ou a empresa passe por dificuldades de finalização do que foi vendido, essa receita pode acabar se transformando custo para a companhia.

As receitas também são de parte estratégica da empresa. Uma vez que para aumentar os seus lucros, ela só tem duas opções. Ou aumenta suas receitas, por meio de mais vendas ou oferecendo mais produtos com mais valores agregados. Ou reduz seus custos de produção.

Por fim, espero que tenha ficado claro a importância desse indicador, que diz muito sobre a competência de uma companhia em trazer dinheiro para a mesma. Lembre-se é apenas 1 indicador, por isso, sempre use o máximo que puder em suas análises.

 

Espero ter ajudado!

Breno Bonani

Twitter: @Breno_Bonani  Instagram: @bonani_ 

 

Saiba mais sobre indicadores importantes do mercado no blog BUGG – Análises Econômicas e de Investimentos, de William Castro Alves. Clique aqui e confira.

 

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

William Castro Alves

Economista pela UFRGS, iniciou sua carreira em 2004 na Solidus Corretora, tendo passado pelo Koliver Merchant Bank e Banco Alfa. Atuou como analista de Investimento na XP e responsável pelas gestão das Carteiras Recomendadas.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *