CARTEIRA

Teve mudanças de percentuais aí…ações subiram e passaram a representar mais do meu portfólio global…mas não foi só isso! Tem novidade na parte de ações…confere lá embaixo.

 

FUNDOS

Confesso pra vocês que na parte de fundos estou com uma vontade danada de reduzir ainda mais a parte alocada em fundos para alocar myself em ações! O motivo? Não é porque a bolsa está subindo não….pensei com myself: não vou precisar dessa grana amanhã, tenho estômago para flutuações e acredito que no longo prazo ações são uma poderosa ferramenta de formação de patrimônio!

Mas primeiro coloquei como target, zerar esse caixa alocando em ações…então uma vez eu tenha reduzido bem isso, aí sim eu vou retirar parte do que tenho em fundos para trazer mais pra ações.

Pra ser honesto ter 25% em renda fixa ou em fundos de liquidez e seguros ; e outros 75% em ações é compatível com meu perfil.

No mais nada diferente aqui….fundos performando bem devagar esse mês. Na real abaixo do CDI. Mas faz parte.

 

AÇÕES

Mudança aqui. LAME4 entrou na carteira. Acabei sendo exercido nas opções de venda que tinha vendido para esse exercício do dia 15/02. Então comprei LAME4 a 15,94. Se você descontar o premio que embolsei por ter vendido a opção (0,68) chegará a um custo de 15,26 por ação….então essa alta dessa semana foi linda de ver…estou com um ganho de 11% já no papel. Penso que o resultado do 4T17 pode trazer surpresas positivas…além do fato de ser uma boa empresa, bem gerida e com um cenário macro a meu ver favorável com a queda de joros e recuperação da economia.

[…]

 

Leia o texto na íntegra no blog BUGG – Análises Econômicas e de Investimentos, de William Castro Alves.

 

 

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *