É cada vez maior o número de pessoas que deseja investir no mercado de ações. Para operar no mercado financeiro, no entanto, você precisará de uma plataforma que funcionará como uma espécie de ponte entre o seu computador e a Bolsa de Valores. É nesse contexto que entra o Metatrader: o sistema de negociação de ativos mais utilizado do mundo.

Com uma interface clara e intuitiva, a tecnologia permite que os usuários invistam utilizando uma única ferramenta de trabalho. O mesmo canal facilita simulações e, por meio de apenas um clique, é possível efetivar operações de trade.

Se você está iniciando uma carteira de produtos na Bolsa e ainda não sabe como funciona esse sistema, preparamos o post de hoje com um guia completo para solucionar todas as suas dúvidas.

Acompanhe a leitura e confira o que é Metatrader, como ele funciona, quais são suas vantagens, além de um comparativo entre as suas versões!

O que é Metatrader?

Desenvolvido no ano de 2005 pela MetaQuotes Software Corp., o Metatrader consiste em uma plataforma de negociação eletrônica que permite ao trader visualizar gráficos completos de preços e detectar oportunidades de compra e venda de ativos com agilidade e efetividade.

O principal benefício dessa tecnologia é a possibilidade de o operador realizar as transações de forma completamente independente da ação humana. Ou seja, todas as estratégias são configuradas e lançadas eletronicamente.

O Metatrader apresenta altíssima performance e oferece instrumentos de análise técnica e análise fundamentalista. Com algoritmos customizáveis de acordo com as necessidades do usuário, o sistema realiza a troca de dados com rapidez e precisão.

Como funciona o Metatrader?

Como essa plataforma é um software, ela funciona por meio de licenciamento. Em outras palavras, o sistema é licenciado para os bancos e corretoras que, por sua vez, fornecem o software aos seus públicos.

O programa apresenta um componente cliente e um servidor. O servidor é administrado pela instituição financeira, e o software do cliente é fornecido aos investidores, que o utilizam para analisar gráficos, preços, gerenciar suas contas e fazer as transações de compra e venda de ativos.

A ferramenta é muito versátil e pode ser acessada pelo usuário no computador ou em dispositivos móveis, como smartphones.

Mas e a segurança do sistema?

O Metatrader opera de acordo com os mais altos padrões de segurança, e a troca de dados entre o terminal do servidor — corretora — e o terminal do cliente é criptografada. A plataforma também suporta assinaturas digitais, o que diminui a possibilidade de fraude nas operações.

Quais são as suas principais vantagens?

Confira bons motivos pelos quais você deve começar a usar o Metatrader já!

Multimercados

A plataforma Metatrader permite a negociação de ativos em vários mercados.

Com um único aplicativo, o investidor consegue operar no mercado de câmbio (FOREX), no de ações (BM&FBOVESPA), futuros e contratos por diferença.

Multiestratégia

O Metatrader possui um grande número de funcionalidades que permitem analisar, comparar e aproveitar as melhores oportunidades do mercado. Os indicadores técnicos e robôs de simulação viabilizam o tempo do usuário e a tomada de decisões mais acertadas.

É possível testar diferentes estratégias e combiná-las para um melhor resultado. Pode-se utilizar diferentes tipos de ordens para fazer pedidos, como a execução instantânea, stop loss e operações em day trade.

Grande adesão de usuários

De acordo com a MetaQuotes Software Corp., mais de 7 milhões de pessoas no mundo utilizam o sistema Metatrader.

A alta adesão dos usuários facilita a interatividade e dinamicidade do software, além de possibilitar que desenvolvedores de vários países criem aplicativos e produtos de qualidade para auxiliar o investidor em suas operações.

Opera 24 horas

O Metatrader confere ao investidor grande liberdade para atuar no mercado no horário que lhe for mais conveniente.

As operações podem ser feitas por qualquer dispositivo com acesso à internet, e as estratégias podem ser montadas e aplicadas depois: a plataforma permanece conectada ao mercado 24 horas.

Sistemas automáticos de negociação

Um dos grandes atrativos do Metatrader é a disponibilidade de um mercado de robôs — Expert Advisors — que atuam como especialistas na simulação das operações.

Os robôs eletrônicos podem ser adquiridos pelo usuário em uma loja de aplicativos. Por meio de indicadores técnicos e scripts de experts, essas ferramentas são programadas para orientar o usuário a agir de forma estratégica e a gerar mais lucro.

Quais são as versões do Metatrader disponíveis no mercado?

Atualmente, existem duas versões do Metatrader para download pelos usuários: o Metatrader 4 (MT4), lançado em 2005, e o Metatrader 5 (MT5), disponibilizado a partir de 2010.

Ambos utilizam uma linguagem de programação conhecida como MQL e permitem que os investidores façam especulações e utilizem as flutuações e movimentos de preços de moedas e ações a seu favor.

Mas qual das duas versões do programa escolher? Confira abaixo as principais diferenças entre o MT4 e o MT5!

Interface e gráficos

Em geral, as plataformas MT4 e MT5 possuem uma interface limpa e fácil de usar. No entanto, o MT5 é ainda mais intuitivo e apresenta botões maiores e com mais espaço.

Por outro lado, muitos usuários se queixaram de que os gráficos da versão mais recente ficaram menores e as ferramentas de Fibonacci estão menos precisas.

Cobertura

Diferente da versão MT4, a nova plataforma não oferece suporte no hedging e no multi-hedging (cobertura e multicoberturas).

O hedging é uma ferramenta que permite aos usuários escolher entre a melhor plataforma de investimentos. Esse instrumento é bastante útil, pois é capaz de contornar problemas de comunicação.

No MT5, o cliente tem a possibilidade de utilizar extensões (plug-ins) para apoiar a cobertura da plataforma.

Indicadores

O Metatrader 5 é uma revolução no quesito indicadores de tendência — embora o MT4 já trouxesse uma gama impressionante deles.

A nova plataforma apresenta as seguintes novidades:

  • média móvel exponencial (dupla e tripla);
  • média móvel ponderada;
  • dinâmica média do índice variável.

Com esses indicadores, é possível testar e simular uma grande variedade de estratégias de negociação.

Outro ponto positivo do MT5 é o fato de os especialistas serem organizados por categorias, o que facilita a vida do cliente na hora de fazer a busca de indicadores.

O MT5 oferece recursos que o MT4 não tem, como:

  • gráficos e inúmeras ferramentas de análise avançada;
  • um longo período de tempo para negociar (de 2 minutos a 8 horas);
  • outros meios de corretagem, como ferramentas e metodologias de mercado.

O Metatrader é um instrumento indispensável tanto para investidores experientes como para os iniciantes. Com ele, você não precisará ficar mais horas a fio na frente do computador, fazendo projeções e simulações manuais — tudo será feito em questão de cliques.

O download de uma versão teste do sistema pode ser feito de forma gratuita e simplificada, diretamente pelo site da MetaQuotes Software.

Gostou de saber mais sobre o que é Metatrader? Então, assine a nossa newsletter e confira outros posts interessantes sobre softwares e aplicativos para facilitar a vida do investidor no mercado financeiro!

Autor

André Bona

André Bona possui mais de 10 anos de experiência no mercado financeiro, tendo auxiliado milhares de investidores a investir melhor seus recursos e é o criador do Blog de Valor - site de educação financeira independente.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *