*Este artigo foi produzido pelo Mobills com exclusividade para o Blog de Valor.

Se você tem o hábito ou interesse de realizar investimentos já deve saber que a ideia inicial de renda passiva deriva dos juros de uma aplicação. Atualmente, entretanto, essa definição ganhou novos contornos, sendo entendida também como uma renda proveniente de projetos que são realizados com um grande esforço, mas geram renda por um longo horizonte temporal.

Neste novo cenário, a ideia de ganhar dinheiro dormindo passou a não ser bem uma verdade em qualquer situação: ela só funciona mesmo para a renda passiva tradicional, ou seja, os rendimentos de um investimento financeiro e do hábito de fazer aportes frequentemente. Apesar disso, para quem busca por uma renda passiva para o seu dia a dia, existem outras maneiras de aumentar seus ganhos e receber dinheiro passivo ao longo do tempo.

No artigo de hoje falaremos justamente sobre a renda passiva moderna – aquela oriunda de um grande trabalho inicial (não necessariamente, alto investimento), com baixa demanda de tempo e esforço no longo prazo, mas capaz de gerar valores altamente atrativos. Também abordaremos alguns mitos e verdades sobre a renda passiva e como eles podem afetar ou gerar oportunidades no seu dia a dia.

Acompanhe!

A internet e a renda passiva moderna

O mercado digital abriu um novo leque de possibilidades para quem deseja ter um bom fluxo de dinheiro de forma mais flexível, sem se submeter a trabalhos com cargas horárias exaustivas e altos investimentos iniciais, como seria necessário para uma renda passiva tradicional. Aplicativos, e-books, cursos online, vídeos e blogs são algumas das ideias mais vantajosas dessa área.

Esses produtos podem ser divulgados e vendidos digitalmente, ou ainda, podem ser gratuitos e a renda gerada ser proveniente de anúncios e parcerias. Eles são uma boa fonte de renda passiva moderna, mas esqueça a máxima de zero trabalho e altos rendimentos iniciais caso queira trabalhar com eles.

O que realmente ocorre é um duro trabalho no começo, com baixo investimento de tempo e dinheiro no longo prazo, que pode te gerar lucros por vários anos.

É possível ganhar muito dinheiro, sem tanto esforço?

Ganhar dinheiro sem esforço é uma grande ilusão. Primeiro porque, mesmo na renda passiva tradicional, o valor do aporte que deve ser feito para altos rendimentos tem que ser ganho de alguma forma, e, na maioria esmagadora das vezes, é através do trabalho de quem investe.

Segundo, que mesmo que você desenvolva um produto digital e esteja se dando muito bem com ele inicialmente, a obsolescência irá alcançar seu produto algum dia. Então, é necessário que atualizações e manutenções de conteúdo sejam feitas ao longo do tempo.

Como já foi dito, nada comparado ao trabalho inicial, mas não significa que uma vez pronto não será preciso mais nenhum ajuste ou acompanhamento.

Exemplos das maneiras como esse trabalho de suporte e impulsão do produto funcionam são: divulgação, redes sociais ativas, posts novos em blogs e envio de e-mails marketing. Sempre haverá trabalho a ser feito.

O grande lance da renda passiva moderna é diminuir o esforço e as horas trabalhadas em cada projeto ao longo do tempo e, dessa maneira, poder desenvolver novos produtos para gerar ainda mais renda – fazendo você se tornar um gerenciador de produtos e da renda proveniente deles.

Vale lembrar, inclusive, que não é preciso escolher entre a renda passiva tradicional e a renda passiva moderna: você pode buscar maneiras de ter uma renda passiva online, por exemplo, e seguir realizando seus investimentos – visando prazos maiores.

Os custos da renda passiva tradicional

É importante ressaltar que existem custos nessas operações em busca da renda passiva moderna. Mesmo que o investimento inicial seja baixo, sempre haverá custos e eles tendem a aumentar.

Talvez, inicialmente, os serviços que você precisa possam ser acessados de plataformas grátis, mas conforme seu fluxo aumenta é crucial investir em ferramentas como servidores, hospedagem e utilitários de e-mails.

Os gastos vão variar de acordo com a área e as necessidades que o aumento de acesso e compra do seu produto gerar. Porém, mantenha isso em mente: chegará um momento que você precisará investir para lucrar mais.

Como explorar o mercado digital para ter renda passiva?

E-book

É um produto que elimina os principais custos quando comparado com os livros impressos, pois não precisam de editora, gráfica ou rede de distribuição física. Você pode fazer e-books grátis também para promover um curso pago sobre o assunto, por exemplo, ou gerar mais acessos ao seu blog e ganhar mais com anúncios.

Os e-books são uma boa porta de entrada para conseguir uma lista para envios de e-mail marketing, pois, geralmente, pede-se um cadastro prévio para acesso ao conteúdo. Eles também podem servir como uma “amostra grátis” para chamar a atenção para a venda de um produto mais completo.

Entretanto, cuidado para não produzir um material com pouco conteúdo de qualidade, isso pode ser visto como um tipo de propaganda enganosa e levar o seu nome para o buraco. Reputação na internet é algo difícil de conquistar, mas fácil de perder, uma vez que o seu público ache que seu produto não tem nada a oferecer, mudar a ideia dele será complicado, pois provavelmente ele evitará posts relacionados ao seu produto.

Por isso, é imprescindível decidir a estratégia: ou você faz um material bem completo e muito bom grátis para ganhar com anúncios ou faz um material bom, mas sem entregar todos os detalhes, para vender um produto mais completo. Em ambos os casos, a qualidade do trabalho tem que ficar evidente.

Cursos e palestras

Talvez, no mercado digital, esse seja o produto de renda passiva moderna mais próximo do conceito tradicional, pois uma vez produzido o arquivo, a renda proveniente da venda será gerada sem grandes esforços no curto e médio prazo.

A depender da área de abrangência dos cursos e palestras, a atualização pode ser exigida de forma mais contínua, mas na maioria das vezes são produtos que necessitam mais de publicidade do que de inovação em seu escopo.

Site de nicho

O que você precisa para gerar uma renda passiva com um site? Primeiro, você precisará de acessos. Assim, basicamente terá que:

Escolher uma área que domine muito bem e goste, para gerar conteúdo relevante;

Comprar um domínio;

Contratar uma hospedagem;

Buscar anúncios e/ou trabalhar com links de afiliado.

Um site ou blog com bom conteúdo e boa audiência, consegue ganhar dinheiro com anúncios ou links patrocinados.

Os links de afiliados ou associados, por exemplo, permite que um parceiro saiba a origem do seu visitante. Dessa maneira, ao clicar em um link de afiliado, o usuário será redirecionado para página do patrocinador e, caso o cliente faça uma compra, o dono do blog recebe recompensa por ter servido como intermediário nessa venda.

Outro ponto importante é o modo como os anúncios serão distribuídos nos textos, para que atraiam cliques, mas ao mesmo tempo não sejam inconvenientes para os visitantes. Dominar as técnicas de SEO (Search Engine Optimization) é crucial para o bom posicionamento do seu site em ferramentas de busca como Google e Bing.

Quanto mais textos bem rankeados seu site tiver, melhor! Assim, seu conteúdo aparecerá nos primeiros resultados das buscas, gerando um maior fluxo de visitantes.

Conseguir reconhecimento e prestígio pode demorar um pouco, mas o esforço pode compensar bastante, principalmente por exigir baixos investimentos iniciais e gerar uma renda passiva cada vez maior (a qual pode vir até em dólares).

E a renda passiva tradicional?

Para iniciar uma renda passiva tradicional, é de suma importância que você possua um planejamento financeiro equilibrado, que te permita fazer investimentos periódicos.

Além disso, é necessário focar em 2 pontos: criar um plano de investimentos e ter objetivos financeiros bem determinados.

Plano de investimentos

Ter um plano de investimentos é um ponto-chave para conseguir sucesso com a renda passiva proveniente de investimentos.

Basicamente, no seu plano de investimentos você decidirá qual tipo de investimentos fará, qual o aporte mensal que pode realizar e traçará os valores de renda passiva que espera conseguir em um horizonte temporal.

Objetivos financeiros

Ter objetivos financeiros claros ajuda a analisar as opções existentes no mercado.

O que vai fazer a diferença entre as pessoas que tentam e as que conseguem ter uma renda passiva é a disciplina no binômio poupança-investimento.

Tendo um planejamento financeiro organizado, um plano de investimentos definido com metas/objetivos financeiros bem definidos e perseverança para seguir os passos de maneira disciplinada durante um longo período de tempo, a sua renda passiva será capaz de te sustentar sem que você precise se preocupar na aposentadoria.

Tenha várias fontes de renda passiva

Atingir rapidamente um patamar de quatro ou mais dígitos por mês através da renda passiva tradicional é mais complicado do que na renda passiva moderna. No entanto, o grande segredo da renda passiva é ter várias delas, de modo a viver plenamente sua liberdade financeira.

Desse modo, ao conseguir dinheiro tanto na renda passiva moderna como na tradicional será possível diminuir o tempo despendido com a labuta e fazer o dinheiro trabalhar para você.

O divisor de águas é a perseverança, pois, em ambos os casos, o tempo e a dedicação são fatores determinantes.

Conclusão

Caso você queira se tornar independente financeiramente e não ter que se preocupar em trabalhar exaustivamente por décadas para manter seu padrão de vida ou, ainda, conseguir se aposentar tendo uma renda minimamente parecida com o período laboral, é imprescindível que você comece hoje mesmo a construir caminhos para ter pelo menos uma renda passiva.

Reflita se é possível iniciar os trabalhos com uma das formas citadas para se obter renda passiva moderna. Além disso, forme seu colchão financeiro.

Primeiro a reserva de emergências (valor que cubra 6 meses do seu custo de vida atual, investido em produtos financeiros com liquidez imediata), posteriormente, os valores poupados podem ser investidos em projetos ou investimentos de longo prazo, para gerar sua renda passiva.

Agora que você já está manjando tudo de renda passiva, responde pra gente: você já tem alguma fonte desse tipo de renda? Se não, qual dos dois tipos se enquadra melhor na sua realidade?

 

Victor Hugo – Mobills

*O Mobills é um aplicativo de controle financeiro, que permite ao usuário cadastrar e gerenciar suas contas de forma eficiente, em qualquer lugar e a qualquer hora.

Autor

Autor Convidado

Este artigo foi produzido por um autor parceiro e/ou convidado do Blog e Valor, com a finalidade de compartilhar suas opiniões sobre temas diversos e contribuir com o site.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *