A Petrobras foi a empresa que acumulou os maiores ganhos em valor do mercado entre as empresas na bolsa em 2018, de acordo com levantamento feito pela provedora de informações financeiras Economatica para o mercado brasileiro. A Ambev foi a companhia que mais perdeu em capitalização.

Durante o ano de 2018, a Petrobras ganhou cerca de R$ 100 bilhões em valor de mercado, no melhor resultado entre as empresas na bolsa em 2018 no Brasil. Já a fabricante de bebidas acumulou perdas de R$ 92 bilhões em capitalização em 2018 e apresentou a maior queda entre as companhias listadas na bolsa brasileira B3.

Petrobras em alta

O resultado positivo da Petrobras chega em um ano de grande volatilidade do mercado devido às eleições presidenciais e de mudanças bruscas para a estatal – que precisou lidar com a demissão de Pedro Parente da presidência da companhia e com fortes questionamentos relacionados à sua política de preços dos combustíveis no país. A greve dos caminhoneiros, no mês de maio, também afetou a empresa e suas ações.

Apesar das turbulências, a Petrobras encerra o ano de 2018 com valor de mercado estimado em R$ 316 bilhões, segundo a Economatica. De acordo com dados divulgados pelo Valor Pro, a ação ordinária da Petrobras (PETR3) acumulou alta de 51,45% no ano, enquanto as ações preferenciais (PETR4) da empresa avançaram 45,92%.

As maiores altas do ano

Além da Petrobras, mereceram destaque entre as empresas na bolsa em 2018 o Itaú Unibanco e a Vale, que completaram o top 3 entre as companhias que tiveram a maior valorização na bolsa brasileira neste ano.

O valor de capitalização do Itaú Unibanco (ITUB4) avançou de R$ 58 bilhões para R$ 317 bilhões, enquanto a Vale (VALE3) passou de um valor de mercado de R$ 53 bilhões para R$ 263 bilhões em 2018, de acordo com a Economatica.

As maiores perdas do ano

A Ambev foi a empresa que liderou as perdas em 2018 na bolsa brasileira. O recuo das ações da fabricante de bebidas Ambev (ABEV3) fez com que o valor de mercado da companhia caísse 25,59% no ano de 2018, para R$ 241 bilhões.

A segunda maior perda em valor de mercado entre as empresas na bolsa em 2018 foi da Cielo (CIEL3), que acumulou um recuo de R$ 39 bilhões em capitalização – uma perda de 58% no valor de suas ações. A Kroton (KROT3) perdeu R$ 15 bilhões em valor de mercado e viu suas ações caírem 50% no ano, sendo a terceira empresa de capital aberto com a maior perda acumulada durante 2018.

Destaques de 2018

Ainda de acordo com a Economatica, entre as ações que foram destaque no ano de 2018 estão as ações da Forjas Taurus, que dispararam 180% na bolsa brasileira durante o ano – impulsionadas pelas eleições 2018 e pela vitória de Jair Bolsonaro.

Os papéis da Unipar tiveram a segunda maior valorização do ano, subindo 173% em 2018. A IRB Brasil fecha o top 3 entre as ações que mais se valorizaram na bolsa brasileira em 2018, com uma alta acumulada de 157%.

E você, investiu em alguma destas empresas ao longo de 2018? Deixe seu comentário e compartilhe conosco suas impressões em relação à bolsa brasileira em 2018!

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *