Bate papo sobre o Tesouro direto

Clique e solicite a sua assessoria de investimentos »


Olá!

O prof. Elisson de Andrade, autor do ebook “As 5 etapas do planejamento financeiro” (clique aqui) e instrutor do curso “Mudança de hábitos financeiros”, me convidou para uma entrevista sobre Tesouro direto para os alunos do seu curso.

Bate papo sobre tesouro direto

Nesse bate papo, conceituamos:

> Poupança

> CDB

> Títulos do tesouro direto

> Fundos DI e de renda fixa

Os títulos do tesouro direto

Os principais títulos disponíveis para investimentos no tesouro direto são:

> LFT (Letra financeira do tesouro)

Título pós-fixado atrelado a Selic. Rende exatamente a taxa selic, sendo apropriado diariamente a taxa selic over. É o título mais conservador disponível, não tendo possibilidade de oferecer retornos negativos nem inferiores ou superiores à própria Selic.

Mesmo que o investidor resolva vender esses títulos antes do vencimento, ele terá a rentabilidade exatamente da Selic no período em que manteve o título.

A LFT pode ser utilizada para posicionamento mais líquido e conservador da carteira, com horizonte de curto prazo.

> LTN (Letra do tesouro nacional)

Título pré-fixado, onde o investidor já sabe, no ato da compra, qual será sua taxa anual de rentabilidade para todo o período que vai da data de compra até a data de vencimento. Independente das oscilações das taxas de juros, a taxa que vai remunerar o investidor será a mesma, desde que ele leve o título até o vencimento.

É importante observar que durante o prazo entre a compra e a data de vencimento, o valor do título pode oscilar pra cima, pra baixo, podendo em alguns momentos ter até mesmo rentabilidade negativa.

Caso o investidor resolva vender esse título antes do vencimento, não terá garantia nenhuma de ter a taxa pactuada, podendo até mesmo ter prejuízo.

A LTN pode ser utilizada para posicionamento com horizonte de tempo entre 2 e 4 anos, não sendo adeqada para posicionamentos que necessitem de liquidez.

> NTN-B e NTN-B Principal (notas do tesouro nacional)

As NTN-B e B Principal são títulos atrelados ao IPCA, que é o índice oficial de inflação no país. O objetivo do título é garantir uma rentabilidade acima da inflação para o investidor em prazos mais longos.

As NTN-B e NTN-B Principal rendem o IPCA + uma taxa fixa anual, que é definida do ato da compra até o vencimento.

É importante observar que durante o prazo entre a compra e a data de vencimento, o valor do título pode oscilar pra cima, pra baixo, podendo em alguns momentos ter até mesmo rentabilidade negativa.

Caso o investidor resolva vender esse título antes do vencimento, não terá garantia nenhuma de ter a taxa pactuada, podendo até mesmo ter prejuízo.

NTN-B e NTN-B Principal pode ser utilizada para posicionamento com horizonte de tempo acima de 4 anos, não sendo adeqada para posicionamentos que necessitem de liquidez.

O foco no hábito

O bate-papo foi bem agradável e um ponto que me agrade muito no trabalho do Elisson é o foco no comportamento que, se bem conduzido, pode certamente levar as pessoas a acumularem um belo patrimônio ao longo da vida.

Existe uma videoaula minha aqui no blog de mais de uma hora esmiuçando todos os detalhes do tesouro direto. Vale a pena conferir: “Como investir no tesouro direto”.

Um grande abraço,

André Bona

Commentários

comments

Autor

André Bona

André Bona possui mais de 10 anos de experiência no mercado financeiro, tendo auxiliado milhares de investidores a investir melhor seus recursos e é o criador do Blog de Valor - site de educação financeira independente.

shadow

Posts relacionados

Comentários

  1. Fernando Buglia    

    Muito bom o vídeo! Esclarecedor, professor!

  2. José dos Santos    

    Muito bom estas informações, obrigado.

  3. augusto zani    

    As informações contidas neste são muito boas e orientadoras.
    Parabens!

  4. Hevlin Costa    

    Olá André,

    Artigo muito bem escrito e com as informações importantes sobre o Tesouro Direto.

    Nesse momento é interessante também notar que houveram mudanças nos nomes dos títulos, deixando mais fácil de entender o que eles significam. A liquidez também passou a ser diária e o limite mínimo para compras foi reduzido para apenas 1% do valor do título ou R$30,00, deixando o investimento ainda mais acessível!

  5. Flavia    

    Olá, André!
    Conheci seu blog há pouco tempo e estou adorando! Muito bacana sua iniciativa de promover educação financeira de forma gratuita na internet.
    Fiquei muito animada com o Tesouro, porque não entendo muito de investimentos e quero apenas uma opção conservadora que me proteja da inflação, mas li uma reportagem dizendo que quem reside no exterior não pode investir. Você sabe me dizer se isto é verdade? Se sim, que opções você me recomenda?

    1. André Bona    

      Flavia, pode sim.
      Dê uma olhada nesse meu video no Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=06-9vlG6Cko
      Se precisar, podemos orientá-la por meio de nosso serviço de assessoria gratuita: https://andrebona.com.br/assessoria-de-investimentos/
      Abs,
      A.B.

  6. Felipe    

    Com a deterioração da economia e a perda certa do grau de investimento do país, a chance de perda no tesouro direto aumentou muito?? Ainda vale a pena investir no TD com esse risco de calote desse governo asqueroso e incompetente que vai afundar de vez o Brasil???

    1. André Bona    

      Olá Felipe!
      Com a possibilidade de perda de grau de investimentos (possibilidade) o risco do Brasil aumenta. No entanto, ainda assim, o tesouro é o título de menor risco no mercado. Portanto, o risco do tesouro pode aumentar sim, mas ainda assim ele é e sempre será um risco menor do que qualquer outro ativo, como ativos bancários, CDBs, etc. Tanto é que ele rende menos que os outros ativos e rentabilidade sempre está associada a risco. Se o tesouro aumentar o seu risco, tudo o demais também aumenta.
      Abs,
      A.B.

  7. p_edro_arantes@hotmail.com    

    Já decide de acordo com as minhas necessidades os investimentos que farei, porém tenho a seguinte dúvida: Quero investir 8 mil reais no tesouro direto e gostaria de saber qual a melhor aplicação: aplicar os 8 mil reais em Tesouro IPCA+ 2019 (NTNB Principal) e levar até o vencimento ou aplicar a mesma quantia em Tesouro Selic 2021 (LFT) e fazer o resgate em 2019?

    1. André Bona    

      Olá!
      Sua dúvida aparentemente mostra que ainda precisa refletir mais sobre as necessidades, pois a sua dúvida está relacionada a dois produtos completamente diferentes para necessidades diferentes. Dê uma olhada nesse video aqui: https://www.youtube.com/watch?v=CG1HnKT8khI
      Abs,

  8. Anderson Rodrigues    

    Eu quero investir no Tesouro e gostaria da assessoria da Valor Investimentos ,porém gostaria de abrir uma conta na Easynvest em vez da XP seria possível a consultoria da Valor?

    1. André Bona    

      Nao seria porque a legislação determina que empresas de assessoria tenham contrato com apenas uma corretora. A Valor possui contrato com a xp. Abs,

  9. Alberto Chirinda    

    Prof. Bona, valeu a visita ao teu site!
    Muita informação importante!

  10. Alessandro José Ferreira    

    Bom dia!
    André, Gostaria de começar investir no Tesouro direto todo mês com o que eu conseguir economizar e também uma vez por ano o dinheiro das minhas férias em torno de R$5.000,00 até 2021 p/ comprar um terreno. qual o melhor titulo p/ mim, lembrando que levarei até o vencimento se necessário p/ ter um retorno melhor. ABs,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *