Hoje tem festa no gueto pode vim pode chegar…. 

Semana passada escrevi que o carnaval acabou e o ano começava….pois é mas hoje já vamos parar para comemorar  porque acredito que chegaremos ao tão sonhado 100 mil pontos! Prepara a champa…rs

Estamos a apenas 0,87% dos 100k; bolsas na Ásia fecharam em alta e mercado na Europa também em um tom mais animado. Então nós, o “povo do gueto” mandou avisar que vai rolar a festa!

 

CHURRASQUINHO PRA COMEMORAR? 

Semana passada tinha comentado que as declarações do presidente do Congresso Rodrigo Maia acerca de um bom andamento das conversas com o governo iriam impulsionar o IBOV…de fato o fizeram. Pois bem, nesse final de semana rolou um “churrasquinho entre amigos” que reforçam minha percepção de que chegaremos ao fim da Odisséia dos 100k como comentei algumas semanas atrás. Basicamente o outcome desse foi um “pacto de governabilidade” entre as principais atuais lideranças do país.

O que eu penso: não se falou diretamente da previdência, mas a leitura que o mercado fará é a de que a reforma da previdência está mais perto e isso deve ajudar a bolsa a alcançar os 100k…simples assim.

 

NÃO SOMOS UMA ILHA 

Festa no Gueto
Pode vir, pode chegar
Misturando o mundo inteiro
Vamos ver no que é que dá

Mas como sempre gosto de ressaltar, pontuar e chamar atenção, não somos uma ilha! Bolsa brasileira acumula alta de 12,8% no ano, uma excelente performance até aqui…mas não somos um caso isolado. Misturando o mundo inteiro, chegamos no gráfico abaixo que compara IBOV (verde), S&P (preto), Stoxx 600 (azul) e o EEM de mercados emergentes (vermelho)…e na sequência o VIX.

Estamos surfando uma certa calmaria e otimismo internacional que tem deixado o mercado bastante benevolente com as apostas em ativos de risco. O FED parece ter abandonado a ideia de aumentar juros; a China lançou mais pacotes de estímulos e se mostra disposta a “whatever it takes” para crescer; até na Europa o BCE anunciou recentemente uma nova rodada de crédito barato a quem necessita.

 

UM CONTRASTE QUE ME INCOMODA

Vai lá pra ver a tribo se balançar
O chão da terra tremer
Mãe preta de lá mandou chamar
Avisou, avisou, avisou, avisou

Se por um lado temos um mercado curtindo esse momento aparentemente tranquilo, me preocupa muito olhar para dados econômicos e ver que as coisas estão na verdade se deteriorando! Gráfico abaixo da Oxford Economics visa ser um “preditor de recessão nos EUA”….ele mostra que a desaceleração por lá tem feito aumentar as chances de alguma recessão lá pela frente.

Na Europa alguns países com a Itália já se encontram em recessão…não por acaso, como bloco econômico também, esse já tem sido um trending topic da Bloomberg:

E no Brasil o que tivemos recentemente? Um dado a meu ver horroroso de produção industrial o qual já tem feito muita gente ajustar suas estimativas de crescimento do ano, inclusive para abaixo dos 2%!

 

Já fiz um post macro semana passada comentando os principais temas que guiam os mercados, confere:

(Samba Enredo Macro de 2019)

Mas o resumo aqui é: me parece haver um certo descompasso entre o mundo real da economia e o dos mercados … me preocupa pensar que “o chão da terra pode tremer” a qualquer momento.

 

DÓLAR – CHAMA O MEIRELLES

Contrastando com esse tom otimista e mais em linha com esses receios dos descompassos macro, temos a figura do nosso ilustre ex-ministro Henrique Meirelles, que sugere a compra de dólares…conselho interessante dessa raposa do …[…]

 

Leia o texto na íntegra no blog BUGG – Análises Econômicas e de Investimentos, de William Castro Alves.

 

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

 

Autor

William Castro Alves

Economista pela UFRGS, iniciou sua carreira em 2004 na Solidus Corretora, tendo passado pelo Koliver Merchant Bank e Banco Alfa. Atuou como analista de Investimento na XP e responsável pelas gestão das Carteiras Recomendadas.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *