Semana passada chamei atenção ao fato que dias 18/06 e 25/06 comentei que bolsa estava barata e que havia prêmio para quem tivesse disposição a correr o risco…de lá pra cá bolsa subiu 11%….não digam que não avisei.

Agora surgem as notícias para justificar…tudo faz sentido…é sempre assim:

  • Alckmin consegue apoio do centrão, sai fortalecido e muitos chegam a aventar a possibilidade de um Alckmin x Bolsonaro no segundo turno…bolsa sobe na especulação.
  • Trump reclama dos juros no EUA e mercado bate na treasury e dólar (gráfico abaixo de 15 minutos … bem curto prazo pra mostrar a batida)…bom para commodities e emergentes.
  • Surgem notícias de que é hora de investir em mercados emergentes vide o link com uma matéria no bloomberg: matéria completa
  • AGORA COMEÇO A ME PREOCUPAR! RS

    Meu foco enquanto investidor é longo prazo…mas como a coluna aqui é semanal gostaria de registrar que pensando nas próximas semanas começo a me preocupar….acho até que pode ir mais um pouco, mas mercado recuperou bem já e cautela começa a se fazer necessária.

    É sempre assim, depois que sobe chovem matérias dizendo que mercados emergentes são a bola da vez, que as empresas estão baratas, que o cenário é positivo…e daqui a pouco aparecem aqueles “traders” que ganharam uma porrada de grana milagrosamente. Comentei exatamente a mesma a coisa dia 11/06…chamando atenção em que em 23/04 com bolsa em 85 mil pontos as matérias eram na linha do “buy Brazil no matter what”

    Ibov x Emergentes x Commodities. O que me chama atenção é que nossa performance relativa (linha verde) foi forte no curto prazo quando comparamos com a média dos emergentes (linha preta) e as commodities (linha vermelha). Para continuarmos a subir, A MEU VER, as commodities tem que dar uma força, ou o cenário político ir se materializando muito mais positivo do que de fato é.

  • Semana passada postei o gráfico das commodities agrícolas que caíram bem…os metais também não vem ajudando muito

Sobre os 3 pontos positivos comentados acima minha opinião é a seguinte: 

  • Penso ser MTO difícil a esquerda não colocar um candidato no segundo turno…alckmin com o centrão representa a política que todos estamos cansados…e historicamente a esquerda sempre teve um candidato ao menos no segundo turno, quando não venceu as eleições no Brasil.
  • Trump fala muito…já já mercado se dá conta que lá existe independência do FED.
  • E mercados emergentes estavam e seguem baratos…é tudo uma questão de querer ou não tomar o risco. O gráfico abaixo mostra que sempre…[…]

 

Leia o texto na íntegra no blog BUGG – Análises Econômicas e de Investimentos, de William Castro Alves.

Autor

William Castro Alves

Economista pela UFRGS, iniciou sua carreira em 2004 na Solidus Corretora, tendo passado pelo Koliver Merchant Bank e Banco Alfa. Atuou como analista de Investimento na XP e responsável pelas gestão das Carteiras Recomendadas.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *