Carteira #NOTBAD – Abril 2019, por William Castro Alves
PERFORMANCE

Sejamos objetivos aqui: a carteira foi realmente BAD nesse mês! Não há desculpas ou qualquer justificativa, fato é que a performance aquém do IBOV revela isso. Veja o IBOV contém 65 ativos, logo a probabilidade de algum ativo compensar a queda de outro é muito maior no Ibovespa, do que em uma carteira de 5 ativos. Numa carteira de 5 ativos, se você “erra” um feio, existe baixa probabilidade de você conseguir uma performance agregada boa.

Foi o que aconteceu esse mês com Ferbasa(FESA4) que soltou um resultado que decepcionou, anunciando um 1T19 fraco e com isso o papel caiu bem. Interessante que umas semanas depois eles divulgam um fato relevante mostrando alta para o preço do ferro Cromo para o 2T19, notícia essa positiva. Comentei isso em 2 posts de carteira: resultadopreço do ferro cromo.

Fora isso a carteira foi ok…VALE3 andou, TRIS3 a meu ver foi em linha com o IBOV e AGRO3 e LOGG3 caíram um pouco mais, mas nada absurdo.

Enfim vida que segue….

 

NÚMEROS

Ainda assim performance acumulada até aqui é boa a meu ver. Nada garante que será boa daqui para frente, mas gosto de olhar o passado para lembrar minha frase motivacional:

Quando eu acerto eu não sou um gênio, mas quando erro não sou um idiota!

  • Desde o início a carteira acumula 193% contra 51% do IBOV!
  • Performance de 12 meses: 47% contra 12% do IBOV!
  • No ano ainda melhor que o IBOV! 12,5% conta 8,6%!
  • Até aqui foram 22 meses de existência, com a carteira batendo o IBOV em 15 meses, ou seja, 73% dos meses.

CARTEIRA PARA MARÇO

Para abril a minha cabeça permanece a mesma…os grandes temas macro estão dados: trade war entre EUA e China; Brexit e desaquecimento na Europa; Reforma da previdência no Brasil. A meu ver houve até aqui muito ruído e pouca definição! Em relação aos resultados das empresas…muitos bons números, mas receio com o que temos a frente.

Mês passado não mudei a carteira. Para esse mês optei por uma pequena mudança:

Adicionei VALE3 pós incidente de Brumadinho por entender que o mercado havia exagerado e a queda das ações haviam sido demasiadas. De lá para cá VALE3 acumulou alta de 12% ante queda de 2% do IBOV….e da mínima o papel já subiu seus 25%. Não estou dizendo que Vale deixou de ser uma boa ação para se investir…longe disso…só penso que o principal do exagero já foi corrigido…o preço do minério já subiu bem e a ação veio refletindo isso. Como esta é uma carteira de apenas 5 ativos, optei por trocar.

E como sempre digo: eu posso estar errando.

A adição de UNIP6 tem a ver com a queda recente do pape, o bom resultado divulgado recentemente e perspectivas que seguem promissoras para o ativo. Não é todo dia que encontramos um ativo negociando 7x Lucros, 4x EV/Ebitda, sem dívida e com um yield alto. Queda recente deu, a meu ver, um ponto de entrada interessante…[…]

 

Leia o texto na íntegra no blog BUGG – Análises Econômicas e de Investimentos, de William Castro Alves.

 

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *