*Este artigo foi produzido pelo bxblue com exclusividade para o Blog de Valor.

 

Poupar dinheiro não é nada fácil (e nós sabemos disso!). Mas um dos primeiros passos é, com certeza, decidir mudar os hábitos atuais.

Controlar as finanças pode ser algo mais simples do que muitas pessoas imaginam. É possível começar com pequenos passos como anotar as principais receitas e despesas.

E com a facilidade da tecnologia disponível hoje, a “velha planilha” pode ser substituída por um aplicativo no seu celular.

Somente com esse exercício, provavelmente você irá descobrir que existem “muitas coisas que você não vê”. E quando se fala em planejamento financeiro pequenos gastos, quando somados no fim do mês, podem ter uma contribuição significativa no seu orçamento.

Por isso, se o objetivo é poupar dinheiro, é fundamental saber para onde ele está indo, ou seja, como é gasto.  Dessa forma, você poderá fazer decisões financeiras mais inteligentes optando como gastá-lo.

Confira as 3 dicas básicas para criar o hábito de poupar dinheiro, começando hoje mesmo!

3 dicas básicas para criar o hábito de poupar dinheiro

Um novo hábito, pode ser entendido de forma prática, como uma rotina que é adicionada ao seu dia a dia.

Então, se o desejo é o de poupar dinheiro, além da necessidade de criar um novo hábito (e mantê-lo), é preciso deixar de ter algumas atitudes que você mantinha até aqui.

Mas isso não precisa ser feito de uma única vez – até porque um hábito não é alterado da noite para o dia e nem um novo hábito adotado com a mesma velocidade.

Não vamos entrar no mérito conceitual aqui, mas recomendamos que leia o livro “O Poder do Hábito”, que traz referências sobre gatilhos, hábitos e recompensas.

Mas voltando a nossa pauta… A questão central aqui , portanto, é: você está disposto a tentar mudar?

Se a resposta for sim, você pode iniciar com essas 3 dicas básicas para criar o hábito de poupar dinheiro:

1 – Economize

Se estamos falando sobre poupar dinheiro, economizar é óbvio, não é mesmo? Nem sempre. Existem algumas formas de economizar dinheiro.

Você pode, por exemplo:

  1. Cortar os gastos com despesas que não são essenciais. Aqui vale a pena se atentar também para as compras supérfluas ou por impulso. Sempre avalie se você realmente precisa daquilo (ou seja, se é mesmo essencial);
  2. Reduzir os gastos tidos como essenciais. Para isso, adote novas práticas como: pesquisando antes de comprar, procurando ofertas de serviços mais baratos e com os mesmos benefícios, utilizando produtos alternativos. Veja agora A maneira mais ESTÚPIDA de ECONOMIZAR e juntar dinheiro!

Em ambos os casos estamos falando sobre usar o seu dinheiro de forma inteligente. É como se você fizesse o mesmo montante render mais, o que no fim das contas pode garantir uma importante economia.

2 – Tenha um objetivo

Uma dica bem interessante neste sentido é determinar uma meta mensal para poupar dinheiro.

Você pode começar com pouco, entre R$ 25 a R$ 100. O que vai determinar esse valor é o quanto você conseguir economizar ou separar do orçamento para essa “poupança”.

Mesmo que você não tenha urgência em utilizar o dinheiro poupado, é importante ter um objetivo claro em mente.

Algumas perguntas que podem guiar esse planejamento:

  • Quanto eu consigo ou quero poupar mensalmente?
  • Já tenho um objetivo para uso do dinheiro?
  • Em quanto tempo espero utilizar o dinheiro economizado?

Isso não só ajuda a criar o novo hábito, como também tangibiliza seu compromisso. Vale lembrar que o compromisso não é apenas financeiro, o objetivo pode ser associado a algum sonho ou meta pessoal ou profissional.

Fazer um intercâmbio para estudar no exterior, comprar um carro, dar entrada em um imóvel próprio, são alguns exemplos mais comuns.

A própria reserva para uma reserva de emergência é bem estratégica, afinal, nunca se sabe quando ocorrerá alguma urgência.

3 – Faça uma “poupança” ou investimento

Se manter o dinheiro na conta bancária ou saber que o limite de crédito está disponível a qualquer momento pode levar a gastá-lo mesmo assim, então você pode isolar esse valor. Alternativas:

  • Aplicar a reserva em uma poupança. O rendimento da poupança é menor do que o de outras aplicações, no entanto, a vantagem é que qualquer valor aplicado terá rendimento.
  • Fazer um investimento. Essa opção irá depender do risco que você está disposto a tomar. Existem diversos investimentos disponíveis no mercado. Vale avaliar o que é mais recomendado para o seu perfil. Descubra o seu perfil do investidor e invista melhor o seu patrimônio!

Isso tudo que comentamos aqui parece mais factível para quem ganha mais, não é mesmo? A boa notícia é que não! Também é possível poupar dinheiro mesmo ganhando pouco.

É possível poupar dinheiro, mesmo ganhando pouco?

Poupar dinheiro passa por conhecer seu orçamento financeiro pessoal ou familiar, por um planejamento básico e pela disciplina.

Controlar as finanças é uma medida válida para qualquer pessoa, independente de quanto ganha. Juntar dinheiro é uma tarefa possível. Atitudes como gastar menos do que ganha pode ajudar nessa missão.

Mas e se as contas apertaram no fim do mês? E se ocorrer algum imprevisto?

Certo. Em situações como essa é preciso agir com cautela evitar fazer dívidas mais caras.

Buscar alternativas de recursos financeiros ou empréstimos pessoais mais baratos, também é uma forma de economizar dinheiro! Entre todas as modalidades disponíveis, existe aquela que é mais indicada para o seu caso.

É preciso ficar atento para não criar novas dívidas, quando na verdade se está querendo poupar. Se não for possível resolver de outra forma, avalie as opções, compare as taxas de juros em diferentes bancos e, principalmente, compare o Custo Efetivo Total (CET) que é quanto você pagará pelo dinheiro emprestado.

Então, pronto para começar a poupar dinheiro? Vale lembrar que um novo hábito só é adquirido com disciplina. Ou seja, não espere ter os mesmos resultados se você não mantiver uma rotina.

Ter uma vida financeira equilibrada pode ser uma questão de escolha. Saiba que é possível poupar, conservar e multiplicar seu patrimônio. Dê o primeiro passo!

 

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

 

Autor

Danielle Vieira

Apaixonada por marketing, descobriu os números e finanças ao longo do caminho e decidiu ajudar as pessoas através da educação financeira. Hoje faz isso atuando no marketing da bxblue, fintech acelerada pela Y Combinator e escrevendo em alguns portais.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *