O cartão de crédito é um item prático, seguro e conveniente para diversas situações do dia-a-dia dos consumidores e, por isso, muita gente prefere optar pelo seu uso ao longo do mês, seja para os gastos diários ou para compras eventuais e com valor mais alto. Apesar de tantas vantagens, o uso do cartão de crédito requer cuidado e responsabilidade por parte do consumidor, para que esta forma de pagamento tão utilizada pelos brasileiros não se torne em uma enorme dor de cabeça.

Você sabia que, de acordo com uma Pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) divulgada em maio de 2017, 4 em cada 10 brasileiros não têm controle de seus gastos no cartão de crédito? Pois é, 40% dos usuários de cartões de crédito no Brasil sequer sabem quanto gastam mensalmente com seus cartões.

Se você é um dos milhões de brasileiros que tem ou já teve cartão de crédito, e quer saber como utilizá-lo com responsabilidade, confira agora algumas dicas para não correr riscos de cair em uma grande cilada e ter problemas com o seu cartão.

Organização e cautela

A principal dica para quem tem cartão de crédito é ter cautela na hora de usá-lo. Jamais gaste mais do que pode pagar no seu cartão, e procure sempre manter um limite dentro dos seus padrões de consumo e sua renda mensal, para evitar gastos que não caibam no seu orçamento.

A segunda dica é nunca atrasar o pagamento da fatura, pois os juros são altíssimos e podem fazer com que uma pequena dívida se transforme em um enorme valor, sob o efeito “bola de neve”. Também não é indicado pagar apenas o valor mínimo da fatura cartão, pois a incidência dos juros – que são os mais altos do mercado, podem comprometer seu orçamento e dificultar a quitação da dívida.

Desconto na anuidade

Você também pode (e deve) sempre argumentar com as operadoras do cartão de crédito em relação à cobrança da anuidade. Em geral, é possível diminuir muito os valores cobrados pelas operadoras para uso do cartão de crédito, principalmente quando você é um bom pagador e cliente fiel. Evite aceitar estas cobranças sem antes tentar negociar em relação a elas.

Reserva financeira

Dispor de uma reserva financeira para imprevistos também é essencial  para quem possui um cartão de crédito. Apesar dessa dica ser muito importante não só para aqueles que possuem cartão de crédito, quem utiliza esta forma de pagamento deve ter atenção redobrada neste sentido, pois ter um valor reserva para imprevistos pode lhe salvar de possíveis juros e encargos adicionais por atraso no pagamento do cartão, e evitar transtornos em caso de emergência.

Ter o hábito de controlar seus gastos no cartão de crédito e manter os pagamentos sempre em dia vai lhe ajudar a manter sua organização financeira e a não ter problemas futuros com seu cartão de crédito.

Gostou do post de hoje? Então assine nossa newsletter para receber todas as novidades aqui do Blog de Valor!

Autor

André Bona

André Bona possui mais de 10 anos de experiência no mercado financeiro, tendo auxiliado milhares de investidores a investir melhor seus recursos e é o criador do Blog de Valor - site de educação financeira independente.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *