Os Correios iniciaram, na última segunda-feira (27) a cobrança de uma taxa de R$ 15,00 sobre todas as encomendas internacionais que chegarem ao Brasil sem o respaldo de outros serviços de entrega. Quem estiver aguardando a entrega de encomendas internacionais ou pretende fazer uma compra em site estrangeiro no futuro deve preparar o bolso.

De acordo com os Correios, a tarifa implementada tem como objetivo manter “o padrão do serviço” do despacho postal de encomendas internacionais que chegam ao país. Segundo a estatal, a tarifa visa cobrir custos com o recebimento de objetos e o tratamento da encomenda, que incluem inspeção por raio-x, formalização de importação, liberação da encomenda, entre outras operações diversas.

Antes do início da cobrança da taxa de R$ 15,00 por cada encomenda internacional que chega ao país sem o suporte de outras empresas de entrega, o despacho postal só era cobrado de objetos tributados pela Receita Federal – o que costumava isentar encomendas de baixo valor de cobranças adicionais para entrega. De acordo com a estatal, no entanto, o aumento das importações obrigou os Correios a cobrarem de todas as encomendas.

De olho na taxa sobre encomendas internacionais

A cobrança de R$ 15,00 por cada entrega de encomenda internacional já está em vigor. Por isso, quem estiver aguardando o recebimento de entregas oriundas do exterior ou pretende adquirir um produto importado para entrega no Brasil deve se preparar para realizar o pagamento da nova tarifa.

Os Correios informaram que os destinatários que estiverem no aguardo de encomendas internacionais devem acessar o rastreamento de objetos internacionais no site dos Correios e fazer o pagamento do despacho postal. O pagamento pode ser feito por meio de boleto ou cartão de crédito.

As encomendas internacionais só serão liberadas para entrega após o pagamento do valor de R$ 15,00 e o prazo para entrega da compra passa contar apenas a partir da data de confirmação do pagamento da tarifa.

E você, o que achou desta nova tarifa de despacho postal implementada pelos Correios para entrega de encomendas internacionais? Deixe seu comentário!

 

Quer aprender mais sobre investimentos e finanças? Então conheça o treinamento online “O Investimento Perfeito”. Clique aqui e saiba mais sobre o curso!

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

Posts relacionados

Comentários

  1. Rogério Pischni    

    Pessoal, não podemos deixar barato este roubo dos R$ 15,00, isto é bi tributação, além disto você paga os R$ 15,00 e não há garantia nenhuma que irá receber o seu produto, pode ser extraviado, Vamos estar pagando antecipadamente por um serviço que não sabemos se irá ser prestado. Não tem nenhum advogado aqui que pode nos ajudar? Então pessoal abram reclamações em todos os Procon de todo o Brasil e também espalhe a indignação. Se tiver facilidade em alguma ajuda jurídica entre com ação. Somente unidos podemos tentar mudar um pouco deste nosso Brasil e tira-lo deste buraco. Curta, espalhe e compartilhe.

    https://oglobo.globo.com/economia/correios-passam-cobrar-taxa-de-15-por-encomendas-internacionais-23017848
    Correios passam a cobrar taxa de R$ 15 por encomendas internacionais
    Prazo de entrega passa a contar a partir da data da confirmação do pagamento
    oglobo.globo.com

  2. Marcelo O. de Schepper    

    Eu acho um Absurdo essa cobrança de R# 15,00 para entrega de produtos que o Correio esta fazendo para entrega de compras Internacionais gente já paga IOF pela compra não basta, se eu compro um produto de R$ 5,00 como vou pagar mais 300% sobre esse valor só no Brasil mesmo vou devolver todas as compras e isso deve talvez gerar intervenção da OMC , Organização Mundial do Comércio, pois não haverá pequenas compras que compensem pagar essa taxa do Correio.

  3. Luís Ramos    

    E querem saber o PIOR.? Criaram essa taxa absurda e ao meu ver ilegal, porém não ajustaram o sistema, NINGUÉM CONSEGUE GERAR O BOLETO OU INCLUIR O CARTÃO DE CREDITO PARA PAGAMENTO, a página ACUSA “ERRO”. Estou tentando a + de UMA SEMANA, já estive na agência, já liguei no 0800 e ninguém resolve o problema, dizem que a única FORMA É ATRAVÉS DO SITE, porém se a taxa não for paga em 30 dias eles devolvem o produto, no meu caso já está com quase 15 dias… é INACREDITÁVEL… só neste PAÍS mesmo…
    Se alguém conseguiu uma solução, POR FAVOR informem aqui QUAL PROCEDIMENTO UTILIZOU, por favor para orientar os demais usuários….GRATO.

  4. SAVIO    

    luiz ramos: estou com o mesmo problema, página de pagamento com erro! Não sei o que fazer!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *