Um dos principais segredos dos grandes investidores de sucesso é realizar a análise de viabilidade de projetos de investimentos. Afinal, esse processo é fundamental para definir onde será aplicado o dinheiro.

A melhor maneira de realizar a análise de viabilidade se dá pelo acompanhamento de métricas e conceitos, municiando o investidor com o máximo de informações possíveis. Dessa maneira, ele poderá pesquisar sobre as principais opções disponíveis no mercado e escolher as mais vantajosas de acordo com o seu perfil de investidor.

Nesse sentido, uma das métricas mais importantes é o VPL – Valor Presente Líquido. Sua análise pode ajudar o investidor a tomar uma decisão com mais segurança, além de auxiliá-lo em momentos de dúvidas e indecisões, muito comuns no âmbito de aplicações financeiras.

Interessou-se pelo assunto? Então, continue a leitura deste artigo, descubra o que é VPL e qual a sua importância nos investimentos.

O que é VPL?

O VPL é uma métrica que tem como objetivo calcular o valor presente de uma sucessão de pagamentos futuros, deduzindo uma taxa de custo de capital. Esse cálculo é extremamente necessário, graças ao fato de que o dinheiro que receberemos no futuro não terá o mesmo valor que o dinheiro possui no tempo presente.

É válido ressaltar que esse tipo de conhecimento é proveniente da matemática financeira, que diz que não podemos somar ou subtrair valores futuros no fluxo de caixa de um projeto de investimento. Devemos sempre considerar o valor do dinheiro no tempo.

Em outras palavras, pode-se dizer que o VPL consiste em trazer para o presente todos os fluxos de caixa de um projeto de investimento, somando-o ao montante inicial. Assim, será possível avaliá-lo de forma a averiguar sua viabilidade.

Como calcular o VPL?

O VPL é comumente calculado por meio das planilhas de Excel. No entanto, conhecer sua fórmula é essencial para entender a sua importância. Deve-se destacar que a fórmula é uma ligação entre os principais itens de um investimento: o fluxo de caixa (FC), o tempo do investimento (j) e a taxa de desconto (i). Assim, temos:

VPL = FC0 + FC1/(1+i)^(j+1) + FC2/(1+i)^(j+2) + … + FCn/(1+i)^(j+n)

A taxa de desconto (i) nada mais é do que o valor que você ganharia se investisse esse dinheiro em uma aplicação segura, como os títulos do governo. Geralmente, utiliza-se a taxa Selic, que é a taxa básica de juros da economia.

Além do Excel, existem algumas opções de calculadoras financeiras online e de aplicativos que realizam o trabalho duro, permitindo que você tenha que apenas analisar os resultados encontrados.

Como interpretar os resultados?

Após utilizar a fórmula disposta no item anterior, você poderá atingir um entre três resultados possíveis: o VPL pode ser positivo, negativo ou neutro. Obviamente, cada uma dessas situações representa um panorama diferente. A interpretação de resultados é bastante simples.

Caso você encontre um VPL negativo, pode-se dizer que o investimento é inexequível e que ocasionará perdas e prejuízos. Porém, se o VPL for positivo, isso é um sinal de que o investimento é executável e o investidor terá ganhos financeiros e conseguirá a valorização do seu dinheiro.

Na terceira opção, o VPL pode ser neutro e isso representa que o investimento a ser realizado será equilibrado — ou seja, ele não trará nenhum prejuízo e nenhum benefício.

Qual a importância do VPL nos investimentos?

Como já citado ao longo deste texto, o VPL é uma das métricas mais importantes a analisar antes de começar um investimento. Esse valor deve ser analisado principalmente porque leva em conta o poder de compra do dinheiro no tempo.

Assim, o investidor terá certeza de que o seu investimento terá rentabilidade real — ou seja, de que apresentará valorização diante das taxas de inflação. Em um cenário de crise econômica, como o que estamos vivenciando atualmente, é fundamental garantir a rentabilidade real de um investimento.

Outro fator importante do uso do VPL é que ele pode ser utilizado em qualquer tipo de fluxo de caixa e o seu cálculo pode ser realizado por meio de sistemas online ou de planilhas do Excel.

Em suma, pode-se afirmar que o VPL evidencia que um investimento viável não é aquele que possui um retorno financeiro numericamente maior, mas aquele que apresenta um retorno financeiro maior do que se você tivesse investido todo o montante em um investimento seguro. Assim, o risco de um investimento desse porte deve valer a pena.

Os conceitos de VPL explicados neste texto não são de fácil entendimento. É necessário que o investidor busque novos conhecimentos e atualize-se sempre para familiarizar-se com siglas e táticas do mercado financeiro. Para facilitar o entendimento do que é VPL e a sua importância nos investimentos, preste atenção no exemplo a seguir:

Exemplo:

Imagine que você fez um investimento inicial de R$20.000,00, que gerou R$10.000,00 de lucro nos 5 meses subsequentes, com uma taxa de desconto de 10% ao mês. Então, houve um ganho financeiro de R$30.000,00 (Total de receitas menos o montante investido (5×10.000-20.000).

Utilizando a fórmula, encontramos o valor de R$17.907,87 para o VPL. Então, o Valor Presente Líquido desse fluxo de caixa no prazo determinado seria de R$17.907,87, demonstrando que vale a pena aplicar seu dinheiro neste investimento.

Existem desvantagens no uso do VPL?

Você deve estar se perguntando: “será que existe alguma desvantagem no uso do VPL?”, afinal, ele aparentemente é uma métrica excelente para determinar a viabilidade de um investimento. Porém, nada é perfeito, não é mesmo?

Assim, projetos com grandes montantes iniciais tendem a apresentar um VPL maior que projetos com baixos valores iniciais. Dessa forma, o investidor poderá ter a falsa impressão de que os grandes investimentos são muito mais vantajosos que os pequenos – o que não é verdade.

Outro fator negativo do uso do VPL é que ele não permite que seja feita a comparação entre projetos de investimento. No entanto, apesar dessas desvantagens, o Valor Presente Líquido é um dos melhores indicadores que um investidor deve analisar antes de escolher em qual investimento ele deve empregar o seu dinheiro.

O VPL também pode ser utilizado para verificar a viabilidade de projetos empresariais, como o lançamento de um novo produto, a compra de um novo software e até mesmo a troca ou a modernização de uma fábrica. Vale muito a pena utilizá-lo, não é mesmo?

E aí, gostou do nosso artigo? Que tal manter-se informado sobre esse assunto? Assine a nossa newsletter e fique sempre por dentro de nossas publicações.

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

 

Artigo publicado em 01/06/2017. Atualizado em 19/06/2019.

Autor

Equipe André Bona

Nosso site é um site de educação financeira independente com a missão de auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e os seus produtos. Assine nossa newsletter!

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *