A inflação oficial do Brasil fechou 2017 em 2,95%, de acordo com informações divulgadas nesta quarta-feira (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo o instituto, este é o menor valor para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) desde 1998.

Os resultados também mostram a inflação abaixo do piso da meta do Banco Central para o ano passado, de 3%, embora tenha se aproximado da projeção da instituição divulgada em dezembro, que estimava a inflação de 2017 em 2,8%.  Esta é, no entanto, a primeira vez que a inflação no país encerra o ano abaixo da meta estabelecida pelo Bacen.

Regime de Metas

O regime de metas foi implementado em 1999, com o objetivo de nortear a política monetária do país dar maior segurança ao mercado em relação aos rumos da economia. Pelo sistema, a inflação medida pelo IPCA deve ficar dentro de uma faixa estabelecida pelo governo, que também define uma meta de inflação que deve ser buscada ao longo do ano.

Para 2017, a meta de inflação definida foi de 4,5%, com um intervalo de tolerância do centro da meta que variava de 3% a 6%. A inflação oficial, no entanto, encerrou o ano em 2,95%. De acordo com o IBGE, o índice de 2017 é o menor desde 1998, quando chegou a 1,65%. No ano de 2016, o IPCA ficou em 6,29%.

O fato de o IPCA ter ficado abaixo do estabelecido pelo regime de metas do Conselho Monetário Nacional obrigará ao Bacen enviar uma carta ao Ministério da Fazenda para explicar os motivos da inflação não ter se mantido no intervalo de tolerância estabelecido para o ano.

Dezembro em alta

Segundo o IBGE, a inflação oficial no ano passado foi mais forte no mês de dezembro, quando avançou 0,44% após subir 0,28% no mês anterior. A elevação da inflação no mês passado foi puxada pela aceleração na taxa dos setores de alimentação e bebidas e transporte, que avançaram de -0,38% em novembro para 0,54% em dezembro e de 0,52% no mês anterior para 1,23% no último mês do ano, respectivamente.

Inflação em 2018

As projeções dos economistas consultados pelo Banco Central apontam para a manutenção do IPCA em níveis mais baixos também para 2018 – embora bastante acima dos resultados obtidos em 2017. De acordo com informações do Relatório Focus, divulgado pelo Bacen no início desta semana, a expectativa dos analistas é que a inflação oficial no país fique em 3,95% neste ano.

Caso as projeções se concretizem, este seria o quarto menor percentual do IPCA anual no país desde o início do Plano Real, perdendo apenas para os anos de 1998, 2006 e de 2017.

Quer aprender mais sobre economia, investimentos e finanças? Então conheça o treinamento online “O Investimento Perfeito”. Clique aqui e saiba mais sobre o curso!

Autor

Redação Blog de Valor

O Blog de Valor é um site de educação financeira independente com a missão de auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e os seus produtos. Assine nossa newsletter!

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *