shadow


EUA – A Guerra Infinita para achar o topo…

Não vi o novo filme e sucesso da Marvel…vou ficar devendo nas conexões com o filme, mas por outro lado, aqui não vai ter spoiler! Rs

Enfim o mercado e os economistas seguem em sua Guerra infinita na tentativa de descobrir quando se dará o topo na economia americana…veja o que eu li:

Economistas apostam em recessão nos EUA em 2021…

Não me entendam mal, sou economista, mas penso que temos que ter noção da nossa ignorância e falhabilidade quando o assunto são previsões.

A meu ver a justificativa usada mostra um viés analítico de curto prazo: “FED tightening”….ou seja o aperto monetário do FED gerando impacto nos preços de ativos. Assunto deveras atual, mas será que ainda será atual em 2021? Lembro que em 2016 o assunto ou o buzz daquele momento era a previsão e a falta de ciência de como lidar com juros negativos…naquele momento os juros iriam ficar negativos para sempre…..da mesma forma, hoje se fala muito dos aumentos de juros…eles devem ocorrer, mas será que pra sempre? Qual nível de “equilíbrio” teríamos?

Na real, a meu ver, os caras olham uma coisa: retorno a média. É meio que intuitivo, ou mais fácil apostar em recessão ou fim de ciclo o quanto mais longo ele fica…e essa expansão na economia americana já está pra bater o recorde da década de 90…107 meses! Como sempre avaliamos o futuro olhando o que ocorreu no passado, seria razoável supor que o ciclo termine cedo ou tarde.

Mercado gosta de perpetuar coisas….detesto essa palavra…perpetuidade!

Mas nessa repo teve um cara que foi macho…”economistão da porra” e merece respeito:

“Recessions occur because of unforeseen shocks, so by definition there is no meaningful answer,” said Deloitte economist Daniel Bachman, who declined to estimate either the timing or cause of the next downturn. 

#tamojuntoDani

Concordo plenamente…não tem como cravar e apesar dos receios com um arrefecimento da economia por lá, tenho uma opinião contrária…pra mim a America segue mais Great Againd do que nunca! Vamos aos porquês:

O que a economia nos diz? 

Well, estamos falando de estimativas de PIB crescendo 2,9%, taxa de desemprego escorregando ainda mais e chegando a módicos 3,7%. Gosto de gráficos menos usuais mas que ajudam a dar um sentimento acerca da atividade….Veja que o gráfico abaixo mostra o uso do intermodal ferroviário, mostrando em 2018 números bem superiores aos demais anos…um sinal de economia aquecida.

Outro dado é os applications para novas mortgages (novos empréstimos) para compra de casa atingindo o high comparativamente a outros anos! Parece que a alta das taxas de mortgages não alterou a intenção do comprador não!

E um dado mais comum é o PMI com muitos setores acima de 50 mostrando que a economia segue…[…]

 

Leia o texto na integra no blog BUGG – Análises Econômicas e de Investimentos, de William Castro Alves.

Autor

William Castro Alves

Economista pela UFRGS, iniciou sua carreira em 2004 na Solidus Corretora, tendo passado pelo Koliver Merchant Bank e Banco Alfa. Atuou como analista de Investimento na XP e responsável pelas gestão das Carteiras Recomendadas.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *