Embora o marketing online seja uma das grandes tendências dos últimos anos, ainda há quem prefira apostar na eficiência e segurança das estratégias de mídia mais tradicionais. Na verdade, mesmo que não pareça, ainda há um grande impasse entre utilizar o marketing online e offline.

O cenário é o seguinte: antigamente, as marcas iam de encontro ao consumidor, utilizando-se de estratégias voltadas ao offline. E isso funcionava muito bem. Hoje, principalmente com a popularização do acesso às mídias sociais, o consumidor é quem busca a empresa. O consumo de informações é o grande diferencial.

Apesar da discrepância dos cenários, não é correto dizer que o marketing offline não causa mais impacto. Dependendo do público ele é, sim, muito vantajoso.

Quer compreender melhor as diferenças entre o marketing online e offline? Acompanhe o conteúdo de hoje, conheça as principais vantagens e desvantagens e saiba como implementar cada uma das modalidades em seu negócio.

Boa leitura!

Marketing offline: sem rodeios, com foco direto na venda

Você sabe o que é marketing offline? Conhecido também como marketing tradicional ou outbound marketing, trata-se do conjunto de ações focadas na promoção direta do produto, com foco na venda.

Nesta modalidade, não existe uma proximidade com o consumidor. Há alguns anos, como a posição do consumidor era mais passiva, o marketing offline era estrategicamente relevante. Afinal, as campanhas de marketing iam até o cliente, mesmo sem que ele ele solicitasse qualquer contato.

Dentre os tipos de marketing offline existentes, destacam-se o outdoor, busdoor, comerciais televisivos, anúncios impressos em jornais e revistas e rádio.

Aliás, todos esses meios de comunicação consideram como principal fundamento a ação de interromper o usuário. Por exemplo: você está assistindo um programa de TV e, no meio da programação, é surpreendido pelo comercial de uma concessionário. Ou, ainda, enquanto caminha pela rua, se depara com determinada marca estampada em um outdoor.

Em nenhuma destas situações você, enquanto consumidor, foi buscar a informação para uma futura compra. Pelo contrário, a marca chegou e se inseriu na rotina, mesmo sem a sua permissão.

Vantagens e desvantagens do marketing offline

As campanhas de marketing offline possuem duas grandes vantagens, que as tornam atrativas e interessantes às empresas.

A primeira refere-se ao nível de confiança que uma empresa que anuncia nas grandes mídias passa ao consumidor. No ponto de percepção do cliente, se uma marca possui um espaço dedicado na TV, mesmo que invista muito por isso, ela oferece produtos e serviços confiáveis e de qualidade.

Outra questão relevante é o contato amplo, democrático e direto com público, principalmente os que residem em localidades que não possuem acesso a internet.

É claro que, atualmente, a inclusão digital é expansiva e quase todas as pessoas têm acesso a web. No entanto, ainda há quem possua apenas o rádio e tv como meio de comunicação.

Estratégias mais tradicionais, mesmo que bem assertivas, também possuem suas desvantagens. O custo, por exemplo, é uma das grandes barreira e desvantagens do marketing tradicional.

Pleitear um espaço para a sua empresa bem no horário de exibição da novela das 9, por exemplo, tem um custo infinitamente maior do que investir em uma estratégia de inbound marketing que traz a produção de conteúdo para blogs como carro-chefe.

Outra condição nada vantajosa é o bombardeio de informações e contato. Uma parcela dos consumidores tende a classificar estratégias offline como invasivas, já que são mais diretas e não exigem permissão. Além disso, a enxurrada de ações com foco explícito na venda pode afastar o potencial cliente e desperdiçar boas oportunidades de venda.

Marketing online: atrair, conquistar e converter

Mas e o marketing digital, como funciona? No marketing online, você possui dois caminhos para atuação: seja através de estratégias focadas no marketing de interrupção, seja apostando nas técnicas de inbound marketing.

O marketing de interrupção é baseado no uso de anúncios em banners, pop ups, anúncios em redes sociais, dentre outros. Neste modelo, como o próprio nome já diz, o usuário é interrompido para que a ação seja executada.

Por exemplo: você está lendo um artigo e entre um dos blocos de texto é exibido um anúncio do Google. Neste caso, sua ação foi interrompida involuntariamente para que você consultasse o anúncio.

Já no inbound marketing, estratégia muito popular e cada vez mais em ascensão, a sua preocupação inicial  não é vender um produto. A venda é, na verdade, uma consequência.

Seu foco principal é educar o consumidor, compreendendo suas reais necessidades. Através de conteúdo de valor, você se aproxima do cliente, faz ele perceber que sua solução é a mais adequada e, por fim, acaba fechando o negócio.

Vantagens e desvantagens do marketing online

Comparando-se com o marketing offline, os investimentos em marketing online são consideravelmente mais baixos – o que proporciona mais fôlego para a empresa investir em outros setores para o seu desenvolvimento.

Como se trata de uma estratégia bem mais dinâmica, no marketing online a mensuração de resultados é bem mais eficiente. A todo momento é possível utilizar indicadores de desempenho e, caso necessário, reformular a estratégia.

Devido a facilidade de mensuração e ajustes, a eficiência do marketing digital é bem mais expressiva do que o marketing offline.

Outra vantagem do marketing online é a possibilidade de segmentar minuciosamente o seu público. Com ferramentas que permitem conhecer o público-alvo, você pode criar conteúdo relevante e muito bem específico e, assim, impactar quem você realmente deseja.

Mas esta estratégia de marketing também tem suas desvantagens. Se parte do seu público não acessa a internet ou as redes sociais, por exemplo, a mensagem pode ser não ser recebida por 100% das pessoas, causando um gargalo na estratégia.

Outro ponto a ser considerado é o impacto nos clientes com perfil mais conservador. Se a sua marca for mais tradicional, este pode ser um grande empecilho. Afinal, nem sempre é possível utilizar o mesmo caminho no marketing online e offline.

Marketing online e offline: como decidir?

Agora que você já conheceu as principais vantagens, desvantagens e características do marketing online e offline, é o momento de escolher a melhor estratégia para o seu negócio.

Como utilizá-las corretamente? Eis alguns insights básicos:

  • Conheça seu público: saiba quais canais ele consome, como ele recebe informações e qual o nível de proximidade e intimidade que ele está disposto a oferecer entre você e sua marca
  • Analise os investimentos: faça um bom planejamento financeiro e avalie os custos relacionados a cada uma das estratégias
  • Verifique o nível de expertise do time de marketing e avalie a qualificação dos profissionais para ambos os cenários. Se você escolher implementar o marketing online, deve saber que possuir profissionais experientes em criação de conteúdo, Adwords, SEO etc
  • Tenha clareza sobre os objetivos. Se o intuito da campanha for apenas vender, sem necessariamente criar engajamento com o consumidor, o marketing offline muitas vezes é o mais recomendado. No entanto, para empresas que desejam criar vínculo com o cliente, engaja-lo e viver uma relação mais próxima, o marketing online é o principal ponto de partida.

Com todas as informações compartilhadas no conteúdo, uma coisa é certa: não existe o tipo de marketing certo eo errado. Tanto o marketing online quanto o offline trazem bons resultados, desde que bem aplicados.

O que você deve fazer é avaliar o cenário no qual a empresa está envolvida e definir, com cautela, quais ações são estrategicamente melhores e mais assertivas.

Gostou do artigo? Então continue acompanhando as novidades do blog e saiba como impactar suas vendas utilizando as melhores estratégias!

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

Equipe André Bona

O Portal André Bona é um site de educação financeira independente, que tem como missão auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e seus produtos. Assine nossa newsletter!

shadow

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *