Confira os principais destaques da economia e do mercado financeiro na última semana e acompanhe os próximos eventos econômicos e políticos desta semana:

Política e Mercado Financeiro

DELAÇÃO A CAMINHO 1

O jornal O Globo afirmou, na semana passada, que o ex-ministro dos governos do PT Antonio Palocci, assinou um acordo de delação premiada com a Polícia Federal. Segundo a publicação, a colaboração depende agora apenas de homologação da Justiça para ter validade. Caso se concretize, a delação de Palocci pode atrapalhar ainda mais a defesa do ex-presidente Lula e da ex-presidente Dilma Rousseff.

DELAÇÃO A CAMINHO 2

De acordo com O Globo desta segunda-feira (30), Palocci não será o único a delatar. Segundo o jornal, o  ex-diretor da Petrobras, Renato Duque, também teria fechado um acordo com a Polícia Federal que, inclusive, já teria sido parcialmente homologado por Sergio Moro.

DECISÃO DO STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, na última terça-feira (24), retirar trechos de delações de ex-executivos da Odebrecht dos processos que envolvem o ex-presidente Lula das mãos do juiz Sergio moro e enviá-los a São Paulo. Apesar da decisão do STF, Moro decidiu manter os processos e as delações em Curitiba até a publicação do acórdão da decisão do Supremo.

IBOVESPA EM ALTA

O índice Ibovespa – principal índice da B3 (antiga BM&FBovespa) fechou em leve alta de 0,07% na última sexta-feira (27), aos 86.444 pontos. Na semana, a bolsa brasileira acumulou ganhos de 1,05%.

DÓLAR AVANÇA EM ABRIL

O dólar fechou em queda de 0,39% na sexta-feira (27), véspera de feriado prolongado, cotado a R$ 3,4626. Na semana, no entanto, a moeda norte-americana subiu frente ao real, acumulando alta de 1,52% durante as sessões semanais, e avançando 4,82% no mês de abril.

Seu bolso

CONTA DE LUZ MAIS CARA EM MAIO

As contas de luz dos brasileiros voltarão a ter cobrança extra no mês de maio, com a implementação da bandeira amarela. De acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), será cobrada uma tarifa adicional de R$ 1 para cada 100kWh de energia consumidos.

GASOLINA EM ALTA (MAIS UMA VEZ)

O preço médio da gasolina subiu para R$ 4,22 no Brasil na semana passada, de acordo com levantamento feito pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Com o avanço, o combustível já acumula alta de 3,09% em 2018 e de 21,99% desde julho do ano passado.

Internacional

ACORDO DE PAZ

O presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, se encontrou, no final da semana passada, com o ditador norte-coreano Kim Jon-un, em uma aproximação histórica na península. Os estadistas se comprometeram a assinar, em breve, um acordo de paz e trabalhar pela desnuclearização da região.

O que vem por aí

FORO PRIVILEGIADO EM PAUTA

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve retomar, na próxima quarta-feira (2), o julgamento sobre o fim do foro privilegiado a parlamentares, que teve inicio em maio do ano passado. Por enquanto, Luis Roberto Barroso, Marco Aurélio, Rosa Weber, Cármen Lúcia, Edson Fachin, Luiz Fux e Celso de Mello já votaram, restando ainda os votos de Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski.

PRAZO PARA DECLARAÇÃO

Termina hoje (30 de abril) o prazo para entrega da Declaração do Imposto de Renda 2018 (IRPF). Os contribuintes que não enviarem o documento no prazo estipulado pela Receita Federal estarão sujeitos a multa, que varia de R$ 165,74 até 20% do imposto devido. Se você ainda não enviou sua declaração, é preciso acessar o site da Receita Federal e baixar o programa do IR 2018.

 

Quer aprender mais sobre investimentos e finanças? Então conheça o treinamento online “O Investimento Perfeito”Clique aqui e saiba mais sobre o curso!

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *