O Tesouro Selic com vencimento em 2025 tem uma nova rentabilidade desde o início desta sexta-feira (5), depois que o Tesouro Nacional optou por alterar a remuneração do título, disponível na plataforma do Tesouro Direto. O motivo da mudança foi justamente aumentar a atratividade do produto – que vinha tendo rentabilidade inferior à da caderneta de poupança.

O rendimento mais baixo que o da poupança para o Tesouro Selic 2025 ocorria quando o investidor resgatava o título em um prazo mais curto de tempo, em até seis meses após o aporte. Nestes casos, a rentabilidade do título – que segue a taxa de juros Selic – perdia para a caderneta de poupança – gerando perdas significativas ao investidor neste resgate.

A questão do spread

A perda do investidor no resgate do Tesouro Selic 2025 era possível devido à diferença entre o preço de compra e venda do título – o chamado “spread”, que acabava prejudicando a rentabilidade do investidor que resgatava o título antes do vencimento.

Em nota divulgada na última quinta-feira (4), o Tesouro disse que o spread era justificado “pela necessidade de evitar que as oscilações dos preços praticados no mercado secundário, que servem de referência para o Tesouro Direto” resultassem em “perdas para o investidor ou para o Tesouro Nacional”.

Redução do spread e nova remuneração do Tesouro Selic

Para evitar situações nas quais a remuneração do Tesouro Selic 2025 perdia para a baixíssima remuneração da poupança em caso de resgate antecipado, o Tesouro Nacional optou por reduzir o spread a partir desta sexta-feira (5). Com a mudança, o spread do título cai de 0,04% ao ano para 0,01% ao ano.

Segundo o Tesouro, esta alteração permitirá que o Tesouro Selic 2025 mantenha-se, no mínimo, equivalente ao rendimento da poupança – até mesmo nos casos de resgates no curto prazo.  “Essa alteração é parte do contínuo processo de aprimoramentos no Tesouro Direto e terá como resultado a redução dos custos de aplicação para o investidor e, consequentemente, o aumento de sua rentabilidade líquida” finalizou o Tesouro Nacional, em nota.

E você, o que achou desta mudança? Já perdeu dinheiro com o resgate antecipado dos títulos do Tesouro? Deixe seu comentário e compartilhe suas experiências com a gente!

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

 

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *