A Corporacíon América – empresa que controla o Aeroporto de Ezeiza, em Buenos Aires, informou, na última terça-feira (31), que o aeroporto passará por reformas para melhor atender os mais de 1 milhão de passageiros brasileiros que passam pelo local todos os anos. As mudanças entrarão em vigor já no mês de dezembro.

De acordo com a companhia que controla o aeroporto, a ideia é transformar Ezeiza em um aeroporto “Brazilian Friendly”, ou seja, um ambiente amigável para os brasileiros. Para que isto seja possível, uma série de medidas entrará em vigor em algumas semanas, tendo como principal objetivo melhorar a experiência dos passageiros brasileiros no aeroporto argentino.

Mudanças em Ezeiza

O programa, confirmado durante a Feira Internacional de Turismo da América Latina (FIT) no início da semana, visa, além de oferecer uma estrutura mais amigável aos passageiros que já freqüentam o aeroporto, atrair mais brasileiros para a capital da Argentina.

A mudança mais importante para os brasileiros que embarcam ou desembarcam em Ezeiza será a incorporação da moeda Real como forma de pagamento em todos os estabelecimentos do local. A partir de dezembro, portanto, lojas, restaurantes e outros estabelecimentos localizados em Ezeiza passarão a aceitar o Real como moeda corrente em todo o Terminal.

Além disso, todos os avisos de som e placas do aeroporto passarão a ter versões em Português, a fim de instruir os passageiros brasileiros que têm alguma dificuldade de compreender o idioma Inglês ou Espanhol. Atendentes do local também estarão preparadas para passar informações em Português a quem solicitá-las.

Ezeiza disponibilizará, ainda, comidas típicas brasileiras em alguns estabelecimentos, como o pão de queijo. Segundo a controladora de Ezeiza, os brasileiros também deverão começar a receber, no final do ano, um cartão exclusivo, com descontos e benefícios em lojas do aeroporto.

Visitantes constantes

As mudanças que serão implementadas em Ezeiza ao longo do mês de novembro são estratégicas e mostram a importância dos viajantes brasileiros para a região. E não é para menos: os brasileiros são o povo que mais visita a Argentina anualmente, à frente de países como o Chile e os Estados Unidos, e são responsáveis por 17% de todo o fluxo total de turistas no país.

Em 2016, o Aeroporto Internacional de Ezeiza recebeu cerca de 10 milhões de passageiros. Destes, cerca de 1 milhão – ou 10% do total – eram brasileiros. E esse número deve aumentar, já que Ezeiza passará a receber todos os voos internacionais da capital argentina a partir de 2019. Hoje, este fluxo é dividido com o Aeroparque, localizado no coração de Buenos Aires.

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *