Empresas com propósito têm maiores probabilidades de serem promissoras no mercado. Afinal, possuir apenas o desejo de ganhar dinheiro não fará seu negócio trazer resultados e conquistar o mercado. É preciso ter um motivo – ou um porquê – quando se empreende.

Sendo assim, este deve ser um dos primeiros tópicos a ser pensado quando se cria uma companhia. Até porque, ficamos mais incentivados e focados nos nossos objetivos quando damos um sentido a tudo que fazemos.

Quer entender por que empresas com propósito são muito mais promissoras? Então reserve alguns minutos e confira a leitura do artigo para descobrir mais sobre esse tema!

O que é propósito?

Antes de falar das empresas, é preciso entender o significado de propósito. Em poucas palavras, ele é o que dá sentido ao que fazemos, a nossa vida e o que nos move para chegar a algum objetivo.

É também o que nos motiva a acordar todas as manhãs para fazer o que fazemos. Assim, quem tem propósito não vai ao trabalho porque precisa ganhar dinheiro, mas porque acredita que o que faz pode fazer a diferença na sociedade, ou por simplesmente crer que ele é um meio para se atingir algo, por exemplo.

O que são empresas com propósito?

Passando para a esfera empresarial, propósito é ter uma razão para existir e funcionar. Ele auxilia na definição da marca e cultura organizacional do empreendimento.

É também a declaração de como a organização pretende contribuir para a humanidade. Nasce da alma da companhia, estando presente desde sua fundação até seu funcionamento.

Empresas com propósito, então, são aquelas que entendem sua função na sociedade e sabem seu motivo para existir e continuar produzindo. E visam sempre trazer melhorias e/ou fazer o bem para as pessoas.

Comece pelo porquê

Um livro muito conhecido e que explica a importância do tema é “Comece pelo porquê”, de Simon Sinek. Além da obra, ele tem uma das palestras mais assistidas do Ted Talks sobre o assunto.

Sinek explica que toda empresa sabe o que faz e quais são os produtos e serviços que oferecem. Somente algumas entendem como fazem o que fazem. Isso as auxilia a se destacar dos concorrentes.

Contudo, pouquíssimas sabem por que fazem o que fazem. O porquê não é sobre ter lucro, pois isso é apenas um resultado. Ele é o propósito, a razão da companhia existir.

“As pessoas não compram o que você faz, mas o porquê você faz” – diz Sinek. O autor explica que esse motivo é a mensagem mais importante que uma organização deve passar para o público, e é ela que inspira as pessoas a se moverem.

Conforme seus estudos, dizer o propósito ativa uma área do cérebro ligada às decisões, além de influenciar no comportamento.

Tenha em mente também que o “porquê” é um gatilho mental forte que faz as pessoas agirem pelo simples fato de entenderem a razão de algo.

3 fatos que tornam empresas com propósito mais promissoras

Confira abaixo o que essas empresas conseguem atingir em comparação com aquelas que não conhecem seu “porquê”.

1.Tem melhores resultados a longo prazo

Marcas com propósito são as melhores em alinhar suas estratégias e planos a longo prazo com a gerência, mercado, colaboradores e acionistas.

Isso ocorre justamente porque o propósito tem o intuito de guiar a organização e todo o planejamento dela. Tendo trajetórias mais focadas e consistentes, é possível alcançar bons resultados.

2.Atrai e retém talentos

Ninguém gosta de “fazer apenas por fazer”. O ser humano precisa ver um sentido em todas as suas ações, inclusive no trabalho. Por isso que colaboradores que sabem seu objetivo em suas funções são mais motivados.

Conforme pesquisa da Harvard Business Review, empregados de organizações com propósito demonstram ter o dobro de satisfação no trabalho e são três vezes mais propensos a permanecer no local.

Lembre-se: trabalhadores mais engajados trazem mais resultados. Empresas que não sabem seu “porquê” dificilmente conseguem mantê-los motivados e produtivos.

3.Crescem mais

Além de ter maior produtividade em relação aos funcionários, essas companhias apresentam maiores taxas de crescimento.

Conforme estudo da Deloitte 2019 Consumer Pulsing Survey, elas são 30% mais inovadoras e 40% melhores em retenção de colaboradores em comparação com seus concorrentes.

Como ter uma empresa com propósito?

De nada adianta saber tudo sobre o assunto se você não aplicar na prática. Veja abaixo o que deve ser feito para ter uma companhia com propósito!

Seja verdadeiro

Entenda o motivo pelo qual você tem sua empresa ou deseja empreender, caso esteja iniciando no empreendedorismo. Após descobrir o seu porquê, será possível conhecer ainda mais seu negócio e traçar estratégias para deixar isso claro ao mercado.

Além disso, é importante que sua equipe também saiba o propósito da companhia para poder incorporá-lo no dia a dia de trabalho deles.

Exponha seu propósito

Fale sobre o propósito da empresa no blog, redes sociais, anúncios e reuniões com parceiros e investidores. Isso deve ficar claro para todos e ser dito nos canais e mídias que seu empreendimento utiliza. Inclusive, não esqueça de mostrá-lo em estratégias de marketing digital e publicidade.

Lidere com sabedoria

Entenda o que move seus colaboradores, clientes, investidores e parceiros. Compreenda por que eles apoiam sua marca e de qual forma sua companhia impactou nas vidas de cada um.

É primordial que um líder tenha empatia, seja coerente com seus atos e demonstre que seu propósito é verdadeiro.

Fique atento ao mercado

Entenda o que leva o público a tomar decisões em relação às marcas que consomem. Atualmente, as pessoas têm mais acesso à informação e se tornaram mais exigentes. Dessa forma, elas passaram a cobrar um posicionamento coerente das organizações, bem como uma atuação mais humanizada e preocupada com o planeta.

Muitos se importam como a empresa trata seus colaboradores, como elas lidam com o meio-ambiente e se apoiam a comunidade onde atuam.

Conforme a mesma pesquisa da Deloitte 2019 Consumer Pulsing Survey, 80% dos consumidores estariam dispostos a pagar mais por um bem ou serviço se a organização aumentasse o preço para ser mais ambiental, socialmente responsável ou pagar maiores salários aos funcionários.

Isso significa que, não adianta ter propósito se você não escuta os seus consumidores e não atua conforme os mesmos valores.

As empresas com propósito são as que se destacam diante da imensidão do mercado. Portanto, comece agora a pensar no que move seu negócio e qual o motivo de ele existir para alcançar o sucesso pretendido!

Continue lendo assuntos importantes para empreendedores! Confira agora o que é empreendedorismo social e veja alguns exemplos!

Autor

Equipe André Bona

O Portal André Bona é um site de educação financeira independente, que tem como missão auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e seus produtos. Assine nossa newsletter!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *