4 minutes

O fim de ano costuma ser uma época de festas. Afinal, é quando as famílias e amigos se reúnem para celebrar datas especiais, como o Natal e o Ano Novo. Também é comum que esse seja o período preferido para viajar, principalmente para aqueles que conseguem tirar férias.

Por ser um momento comemorativo e de confraternização, o final de ano tende a envolver gastos consideráveis com presentes, celebrações, passeios e ceias. Consequentemente, é mais fácil que as pessoas se atrapalhem com as finanças, comprometendo seus orçamentos ou até assumindo dívidas.

Portanto, é indispensável saber como se programar financeiramente para o fim de ano. Dessa forma, você poderá compreender quanto dinheiro terá disponível para gastar sem prejudicar o seu bolso e aproveitará as festividades com mais responsabilidade.

Está preocupado com os gastos de fim de ano? Continue a leitura deste artigo para aprender a se preparar financeiramente!

Planeje o fim do ano com bastante antecedência

O primeiro passo é definir como você pretende passar as festas de fim de ano. Essa etapa é fundamental e deve ser executada com o máximo de antecedência possível, pois ela auxilia na visualização prévia dos possíveis gastos envolvidos.

Para fazer um prognóstico preciso das despesas, você deve considerar todos os fatores que tendem a influenciar o seu orçamento, como:

  • quantidade de pessoas que você gostaria de presentear;
  • realização de uma viagem;
  • como, onde e com quem você pretende passar o Natal e o Ano Novo.

Faça uma reserva financeira para essa ocasião

Após compreender suas metas para o fim de ano, você poderá pensar em formas de executá-las. Elaborar uma reserva financeira específica para a ocasião tende a auxiliá-lo nesse objetivo.

Como você terá estipulado suas ambições antecipadamente, é possível se programar para destinar uma quantia mensal do seu orçamento a essa reserva. Mesmo que você não consiga juntar grandes cifras, é provável que o montante ajude a amenizar os gastos com festas de fim de ano ou até cobrir imprevistos.

Uma alternativa válida é investir sua reserva no mercado financeiro. Dessa maneira, você pode fazer o dinheiro economizado crescer até o momento de utilizá-lo. No entanto, fatores como a alíquota do Imposto de Renda (IR), liquidez e data de vencimento precisam ser considerados, certo?

Analise sua situação financeira

Você viu que montar uma reserva e estipular metas são passos cruciais para preparar o seu bolso para as festas de fim de ano. Mas além de cumprir essas etapas, é preciso analisar sua situação financeira, buscando se programar de forma realista.

Nesse momento, você deve avaliar aspectos como suas fontes de renda, dívidas e despesas, tentando identificar suas prioridades. Com a tarefa realizada, é possível compreender o quanto se pode gastar em presentes, festas ou viagens sem comprometer sua organização financeira.

Faça listas de compras

Outra forma de reduzir o impacto financeiro do período de festas é a elaboração de uma lista de compras, principalmente para os presentes de Natal. Você precisa especificar todas as pessoas que deseja presentear e quais serão as lembranças dedicadas a cada uma delas.

O hábito pode auxiliá-lo a visualizar os gastos aproximados que você terá com esses presentes, evitando surpresas e excessos — comuns quando as compras ocorrem sem planejamento. Dessa forma, será possível repensar as despesas ao perceber que elas extrapolaram seu orçamento.

Caso isso ocorra, será o momento de fazer cortes ou pensar em alternativas mais baratas. Uma dica é usar a criatividade para tentar escolher itens com preços mais acessíveis, que tenham um significado envolvido entre você e o presenteado.

Seguir uma lista também pode ser um modo de evitar gastos por impulso. Entretanto, a estratégia só funcionará se você tiver autocontrole para não exceder as compras predeterminadas.

Não compre presentes de última hora

Mesmo que você monte uma lista de compras ideal para o seu bolso, ainda há possibilidade de ter prejuízos financeiros ao decidir adquirir os presentes de última hora. Afinal, a pressa em finalizar as compras pode prejudicar o seu critério, levá-lo a fazer aquisições por impulso, tendendo a pagar mais caro por um produto.

O ideal é começar a procurar os presentes natalinos o mais cedo possível. Desse modo, você estará exposto às melhores oportunidades, já que terá tempo hábil para pesquisar os preços e condições mais atrativas disponíveis no mercado.

Ademais, é essencial monitorar e ter o conhecimento sobre o preço médio dos produtos que você pretende comprar. Isso porque é comum que determinadas lojas aumentem o valor da mercadoria para oferecer um desconto que, na realidade, equivale ao seu preço base. O cuidado vale, especialmente, para a Black Friday.

Sempre que possível, compre à vista

Até o momento, você aprendeu que é preciso tomar diversas precauções para não extrapolar nas compras destinadas às festas de fim de ano. Por ser um período em que as pessoas sofrem diversos estímulos de consumo, é normal que elas acabem usando o cartão de crédito para cometer excessos.

A prática pode ser danosa à saúde financeira. Isso acontece porque o método de pagamento a prazo, quando não é bem gerenciado pelo usuário, tende a gerar uma visão distorcida a respeito do poder de compra — e trazer problemas às suas finanças pessoais.

Portanto, uma boa prática é comprar à vista sempre que possível, evitando uma fatura desproporcional ao seu orçamento. Ademais, pagar no ato é uma forma de fugir de possíveis taxas de juros e até acessar preços mais vantajosos.

Invista na sua educação financeira

Ao conhecer diversas dicas voltadas à preparação financeira para as festividades de fim de ano, você pode ter percebido a importância da educação financeira para sua qualidade de vida. Por esse motivo, pode ser interessante investir tempo visando aprender mais sobre essa temática.

Ler livros, fazer cursos e consumir conteúdos sobre educação financeira ajudará você a tomar as decisões mais adequadas sobre a gestão das finanças. Consequentemente, você poderá usar o seu dinheiro para ter estabilidade e realizar seus sonhos.

Neste artigo, você aprendeu as principais formas de se preparar financeiramente para as festas de fim de ano. Agora é o momento de utilizar estas dicas práticas para aproveitar o Natal e o Ano Novo sem comprometer a sua saúde financeira, certo?

Gostou deste conteúdo? Compartilhe-o nas suas redes sociais para que os seus amigos também saibam se preparar para o final do ano!

Share.

O Portal André Bona é um site de educação financeira independente, que tem como missão auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e seus produtos. Assine nossa newsletter!

Leave A Reply