Você trabalha o mês inteiro, passa horas por dia se dedicando ao emprego, mas o salário mesmo parece que acaba tão rápido, não é mesmo? Todas aquelas horas de dedicação acabam sendo convertidas em pagamento de contas, alguma edição limitada de um bom vinho, um par de sapatos novos, um livro recém-lançado, e pronto: lá se foram os ganhos do mês mesmo faltando ainda uma semana  ou duas para o próximo salário.

Se você já passou – ou ainda passa – por uma situação semelhante, acredite: existe formas eficazes de fazer seu salário render mais! Pequenas mudanças de comportamentos e hábitos podem ser suficientes para esticar o seu salário e fazê-lo render mês após mês.

Quer saber como? Então continue a leitura e descubra 5 dicas para cuidar melhor dos seus ganhos e fazer seu salário render mais que apenas algumas semanas!

1. Tenha controle

É inevitável dizer que, para fazer seu salário render mais, em primeiro lugar, você precisa controlar suas finanças. Este passo é a chave do sucesso para uma vida financeira mais organizada.

Tenha uma planilha de gastos mensais (se ainda não sabe fazer a sua, confira aqui como montar sua planilha) e mantenha suas finanças em ordem ao longo do mês. Você pode se surpreender com os resultados positivos que um controle das finanças pode trazer para o seu dia a dia.

2. Diga adeus ao cartão de crédito

Ele pode ser seu amigo em muitos momentos, mas a verdade é que, em outros, o cartão de crédito pode ser uma cilada. Os juros são altíssimos e, verdade seja dita: ninguém merece pagar hoje a conta do jantar do restaurante que você visitou há um mês.

Portanto, aposte no débito e pague à vista. Quando usamos o cartão de crédito temos a falsa impressão de não ter de pensar no gasto imediatamente. Mas o gasto é real.

Utilizar cartão de débito ou até mesmo dinheiro permite que você tenha mais noção e controle do que está gastando.

3. Mantenha metas financeiras

Todos nós temos planos que queremos realizar, bens materiais dos sonhos e viagens que desejamos fazer. É preciso ter em mente, no entanto, que não é possível fazer tudo ao mesmo tempo.

Por isso, o melhor a se fazer é definir objetivos e traçar metas. Seja começar a aula de yoga, viajar para a Tailândia ou comprar uma esteira para fazer exercícios no meio da sala de estar, o importante é você saber o que quer e planejar com cuidado a realização de cada um destes objetivos.

Desta forma você  mantém a mente focada nestes objetivos e evita cair na tentação de deixar metade do seu salário em compras desnecessárias ou gastos diversos que podem fazer a diferença no seu orçamento.

4. Mantenha-se no essencial

É claro que todo mundo precisa pagar as contas e alimentar-se todos os dias, não é verdade? Apesar disso, nem todos os nossos gastos mensais são, de fato, necessários e imprescindíveis.

Procure ter o controle de onde e em que consome boa parte do seu salário e passe a cortar o que não for essencial. Desta forma, seu salário poderá render mais – o que deverá resultar em uma boa economia no final de cada mês.

Analise com calma a sua planilha de gastos mensais e julgue o que é importante e essencial: faça escolhas. Alguns gastos robustos sempre estão a mais ali e podem ser cortados sem que você perca qualidade de vida.

5. Enxugue as compras

Comprar é um ato tão natural e comum em nossas vidas que, muitas vezes, adquirimos coisas sem nem mesmo pensar, sem realizar uma boa análise ou controle dos gastos. Por isso, nem sempre fazemos compras inteligentes ou necessárias.

Se você quer que seu salário renda, uma dica é consumir menos. Você não precisa nunca mais comprar nada, mas pode aprender a tornar o consumismo do dia a dia mais simples e consciente.

Viu um item interessante em uma loja? Ao invés de já levá-lo para casa, coloque-o de volta na prateleira e dê-se uma semana. Se durante uma semana você perceber que aquele item pode mesmo ser útil na sua vida, então volte à loja – física ou virtual – e compre-o.

Em muitos casos, no entanto, quando você se dá um tempo, percebe que a vontade da compra por impulso era maior que a necessidade do produto. E, na hora que a vontade de comprar por impulso apertar, lembre-se: se você viveu todos estes anos sem determinado produto, pode passar mais uma semana sem ele.

Mudanças sutis de comportamento e hábitos podem ser suficientes para lhe ajudar a ter maior controle financeiro, economizar dinheiro e fazer seu salário render mais e melhor ao longo dos meses. Basta manter o foco e ter força de vontade que você chega lá.

Gostou do artigo de hoje sobre como fazer seu salário render mais? Então assine nossa newsletter e não perca mais nenhum conteúdo sobre finanças e investimentos!

 

Quer aprender mais sobre investimentos e finanças? Então conheça o treinamento online “O Investimento Perfeito”Clique aqui e saiba mais sobre o curso!

Autor

Redação Blog de Valor

O Blog de Valor é um site de educação financeira independente com a missão de auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e os seus produtos. Assine nossa newsletter!

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *