Confira os principais destaques da economia e do mercado financeiro na última semana e acompanhe os próximos eventos econômicos e políticos desta semana:

Política e Mercado Financeiro

EXPECTATIVA DE INFLAÇÃO 2018 E 2019

O mercado reduziu a estimativa de inflação para 2018 e 2019, de acordo com o Boletim Focus divulgado nesta segunda-feira (12). A previsão de inflação para 2018 recuou pela terceira vez seguida, para 4,23%; para 2019, as projeções apontam para uma inflação de 4,21%.

Clique aqui e aprenda o passo a passo para ler o Boletim Focus, do Banco Central.

OTIMISMO ENTRE EMPREENDEDORES

97% dos empresários brasileiros têm planos de investir em 2019, de acordo com uma pesquisa realizada pela Deloitte na semana passada. Entre as 826 empresas consultadas, 47% pretendem criar novos postos de trabalho em 2019.

MORO E O CNJ

A Corregedoria do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu pedir explicações ao juiz federal Sérgio Moro sobre sua decisão de aceitar o convite do presidente eleito Jair Bolsonaro para o cargo de Ministro da Justiça a partir de 2019. Pela decisão do corregedor, Moro tem 15 dias para “apresentar explicações” sobre suas eventuais atuações políticas.

QUEDA SEMANAL NO IBOVESPA

O índice Ibovespa fechou em alta de 0,02% na sessão de sexta-feira (9), aos 85.641 pontos. Na semana, no entanto, a bolsa brasileira fechou em queda de 3,14%.

DÓLAR EM ALTA NA SEMANA

Já o dólar encerrou a sexta-feira em queda de 0,09%, cotado a R$ 3,735. Na semana, no entanto, a moeda norte-americana acumulou ganhos de 1,10%, com investidores de olho no exterior e no cenário político interno.

Seu bolso

DÍVIDA COM CARTÃO DE CRÉDITO

Cerca de 77% das famílias endividadas no mês de outubro tinham dívidas com cartão de crédito, de acordo com um levantamento feito pela Confederação Nacional do Comércio (CNC). Vale a pena ressaltar que os juros rotativo do cartão de crédito é um dos mais altos do país: segundo o Banco Central, os juros médios do cartão de crédito ficaram em 278% ao ano no mês passado.

Aprenda a lidar com e a resolver uma situação de finanças em descontrole, dívidas de cartão de crédito e nome sujo. Clique aqui e saiba mais!

REDUÇÃO NO PREÇO DA GASOLINA

A Petrobras anunciou, nesta segunda-feira (12), a sexta redução seguida no preço da gasolina nas refinarias; no acumulado de novembro, a redução nos preços já chega a 10,8%. Para o distribuidor, o valor médio do combustível ficará em R$ 1,661, no menor valor desde 10 de abril. Resta saber se estas reduções chegarão às bombas, para o consumidor.

GÁS DE COZINHA MAIS CARO

Já o gás de cozinha subiu na semana passada, segundo a Agência Nacional do Petróleo, do Gás Natural e dos Biocombustíveis (ANP). O preço médio do botijão de gás de cozinha avançou 0,38%, pulando de R$ 68,33 para R$ 68,59.

BOLETOS EM ATRASO

Boletos vencidos de qualquer valor já podem ser pagos em qualquer banco, de acordo com informações da Federação Brasileira de Bancos (Febraban). A mudança tende a facilitar a vida do consumidor, que podia realizar pagamentos de boleto em atraso apenas na instituição responsável pela emissão do documento.

TARIFAS MAIS CARAS NOS CORREIOS

Os Correios anunciaram, na semana passada, um reajuste nas tarifas postais. A correção média autorizada para este ano foi de 5,99%, tanto para serviços nacionais quanto para serviços internacionais realizados pela estatal.

O que vem por aí

DIPLOMAÇÃO DE BOLSONARO

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) marcou, para o próximo dia 10 de dezembro, a cerimônia de diplomação do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), e do vice-presidente, general Hamilton Mourão. A diplomação confirma que os candidatos eleitos cumpriram todas as formalidades previstas em lei, abrindo caminho para a posse, no primeiro dia de janeiro de 2019.

ESCOLA SEM PARTIDO

A comissão especial da Câmara dos Deputados deve analisar, nesta semana, o projeto conhecido como “Escola Sem Partido”. O debate do relatório final sobre o projeto deverá ocorrer na próxima terça-feira (13)

SANÇÃO OU VETO

A proposta de aumento dos salários dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), aprovada pelo Senado na semana passada, pode ser sancionada ou vetada, nesta semana, pelo presidente Michel Temer. O aumento de 16% nos salários dos ministros eleva os ganhos para R$ 39,2 mil mensais, e resulta em um rombo bilionário no orçamento do Governo.

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *