Nem sempre a boa intenção é o suficiente para garantir o sucesso de um negócio. Por isso, é comum que alguns erros de planejamento empresarial acabem acontecendo por inúmeros motivos em qualquer empresa.

Contudo, há muitos elementos que evitam erros de um bom plano de negócios e dão ao seu planejamento o tom que ele merece. Muitas vezes, essa organização leva tempo, paciência e muitas revisões antes de chegar ao modelo final e ideal, mas vale a pena.

No artigo de hoje você entenderá um pouco mais sobre os erros de planejamento empresarial que podem comprometer o seu negócio e descobrirá algumas maneiras de evitá-los.

Boa leitura!

Os principais erros de planejamento empresarial

Montar um negócio é um desafio que muitos estão dispostos a enfrentar. A pressa e a falta de conhecimento deste processo, no entanto, pode levar qualquer empreendedor a ter muitas dores de cabeça.

Além da pressa em montar um plano para o seu negócio, outros erros de planejamento empresarial podem afetar a administração da sua empresa, seja ainda em um período inicial de desenvolvimento do negócio ou durante o gerenciamento do mesmo.

Entender a importância do plano estratégico de negócios e ponderar criteriosamente antes de adotá-lo é fundamental para atingir suas metas. Quem deixa de avaliar certos aspectos acaba cometendo os erros de planejamento empresarial que afetam todo o processo do negócio.

Confira 8 dos principais erros de planejamento empresarial que podem acontecer dentro de um negócio, e entenda como é possível evitá-los no seu empreendimento:

1. Não fazer um planejamento empresarial

Pode parecer engraçado, mas muitas pessoas começam um negócio sem fazer um planejamento empresarial. Isso significa não determinar prazos, metas, ideais a serem atingidos, entre outros pontos importantes.

Por isso, a primeira dica é nunca apostar em um empreendimento se ele não apresentar um bom plano de negócios.

Para tanto, não espere até ter tempo suficiente para desenvolver esse plano. Também não espere até ter as pessoas certas para fazer isso e, definitivamente, nunca espere até que haja uma razão urgente para precisar seguir um plano.

Um negócio deve sempre começar bem estruturado. Portanto, reconheça que você precisa de um plano de negócios e que seu primeiro passo é preparar essas estratégias antes de colocar a empresa efetivamente no mercado.

2. Confundir dinheiro com lucro

Há uma enorme diferença entre dinheiro e lucro. Basicamente, o dinheiro que entra em uma empresa é bem diferente dos lucros da mesmas.

Se você vende um produto pelo mesmo preço que o compra de um fornecedor, por exemplo, você não está tendo lucro. Portanto, sentar e fazer cálculos é essencial para não cometer alguns erros de planejamento financeiro.

A mesma lógica serve para outras situações, como gastar a maior parte do seu dinheiro comprando estoques, que não afeta o lucro, mas o fluxo de caixa, por exemplo. Portanto, ter consciência disso é fundamental.

3. Não mude suas prioridades

Um plano que enfatiza três ou quatro prioridades principais é um plano poderoso e eficaz. Assim, acabar mudando essas prioridades, seja lá por qual motivo, tende a ser um erro de planejamento empresarial.

Por outro lado, seja objetivo e sucinto. Alguns especialistas dizem que “ter 20 prioridades é o mesmo que não ter nenhuma”.

4. Não ser realista com a ideia do próprio negócio

A maioria dos empreendedores de sucesso garante que “o que dá uma ideia ao valor comercial não é a ideia em si, mas uma empresa que já é construída sobre ela”. Isso significa que um bom negócio é aquele que sabe da sua realidade.

Essa realidade engloba muitos fatores, como concorrência, quem são os seus clientes, possíveis valores para vendas dos produtos ou serviços, entre outros.

Criar um plano de negócios dentro da realidade é fundamental para não cometer erros comprometedores com uma empresa.

5. Deixar tudo planejado, mas não realizado

Fazer um bom planejamento é ótimo, mas de nada vale se ele não for executado de forma concreta. Portanto, não deixe os planos e iniciativas apenas como rascunhos no papel.

Tudo precisa ser planejado e executado para ser realmente funcional, ou ainda mostrar que as estratégias estão equivocadas e precisam de alteração.

Não deixe de estruturar a implantação dos projetos propostos, pois dificilmente eles aconteceram sem isso! Lembre-se de verificar se os custos estão no seu orçamento, se há um pessoal disponível, se precisa treinar alguém ou contratar. Tudo isso faz parte do “planejar e executar”.

6. Fazer tudo e não delegar funções

Um bom empreendedor sabe tudo o que acontece com o seu negócio, mas isso não significa que ele executa todas as tarefas sozinho. Pelo contrário, reconhecer a necessidade de profissionais especializados para cada função e delegar tarefas é essencial para o bom desenvolvimento de um negócio.

Nesse ponto, o erro pode acontecer durante o planejamento operacional. Portanto, lembre-se sempre de delegar funções e confiar em profissionais de áreas distintas do seu conhecimento.

7. Não se importar com a comunicação

Se a delegação de tarefas é importante, a comunicação dentro de um negócio é tão fundamental quanto esse ponto. É uma boa comunicação que garante que as tarefas estão sendo passadas corretamente, que o planejamento está sendo seguido e até mesmo que a relação com fornecedores e outros profissionais está em dia.

Ao definir um planejamento empresarial, comunique a todos os envolvidos claramente quais são os objetivos do projeto, do início ao fim, para todos que todos tenham noção das metas e do projeto como um todo.

8. Não se importar com os concorrentes

A ideia do seu negócio pode ser sensacional, mas você precisa estudar sobre o mercado no qual ela estará inserida e sobre quais serão os seus concorrentes.

Estudar a concorrência permite ao empreendedor criar novas estratégias diferenciadas, e que não são utilizadas pelos seus concorrente. Isso garante, entre os clientes, um destaque dentro do mercado.

A competição sempre existe, e não pode ser ignorada em momento algum da criação ou gestão de um novo negócio. Esse é, inclusive, um dos erros de planejamento empresarial mais comuns e simples de serem evitados.

Se você tem um negócio ou pensa em abrir um empreendimento em breve, não deixe de considerar estes 8 erros de planejamento empresarial e foque em evitá-los sempre que possível. Assim, suas chances de sucesso nesta jornada aumentarão muito!

Se você gostou deste conteúdo, aproveite para inscrever-se em nossa newsletter e receba com exclusividade em seu e-mail outros materiais sobre investimentos e finanças.

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

Equipe André Bona

O Portal André Bona é um site de educação financeira independente, que tem como missão auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e seus produtos. Assine nossa newsletter!

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *