137
0

BBFI11B: saiba quais são os detalhes desse fundo imobiliário

137
0
4 minutes

Diversas pessoas buscam o investimento em imóveis para obter renda passiva por meio do recebimento de aluguéis. No entanto, é possível atingir esse mesmo objetivo ao investir em fundos imobiliários (FIIs) — como o BBFI11B.

Esse fundo foca no aluguel de imóveis comerciais e pode ser uma alternativa mais acessível e menos burocrática para quem deseja se expor ao setor imobiliário. Contudo, antes de investir, vale a pena conhecer melhor o funcionamento da modalidade.

Neste artigo, você descobrirá algumas das principais informações do fundo imobiliário BBFI11B e o que é preciso para ter acesso às cotas desse FII. Acompanhe!

O que é um fundo imobiliário?

Os fundos de investimento imobiliários são alternativas de investimento coletivo. Neles, diversos investidores se reúnem com uma finalidade específica — investir no setor imobiliário.

Seu funcionamento se assemelha a um condomínio. De um lado existe o gestor, que fica responsável pela administração do capital do fundo. Do outro, os cotistas, responsáveis pelo pagamento das respectivas taxas — como a taxa de administração e, em alguns casos, a taxa de performance.

Para participar do fundo, o interessado precisa adquirir cotas. Elas são negociadas na bolsa de valores. Já o lucro do cotista pode ser realizado com a valorização das cotas ou com o recebimento de dividendos (quando o fundo obtém lucro), de modo proporcional ao número de cotas adquiridas.

Portanto, investir em FII pode ser interessante para quem deseja se expor ao setor imobiliário, mas não dispõe do capital para comprar um imóvel sozinho, por exemplo.

O que é o BBFI11B?

Assim como qualquer outro ativo negociado na bolsa de valores, os fundos imobiliários são identificados por meio de um código — normalmente composto de letras e números. Dessa forma, BBFI11B é o ticker que identifica o BB Fundo de Investimento Imobiliário Progressivo.

Como você viu, trata-se de um FII que trabalha com a locação de imóveis comerciais com objetivo de gerar renda passiva aos seus cotistas. Ou seja, é um FII classificado como de tijolo que investe primordialmente em imóveis físicos.

Ele começou a ser negociado na bolsa em dezembro de 2004, ocasião em que foram emitidas 130 mil cotas. Além disso, o fundo é constituído sob a forma de condomínio fechado, com prazo de duração indeterminado.

Quais as características desse fundo?

Desde sua estreia, o fundo conta com apenas dois imóveis em carteira. Um deles está situado em Brasília — o Edifício Sede I. O segundo está localizado no Rio de Janeiro, chamado Centro Administrativo do Andaraí. Ambos estão alugados para o Banco do Brasil.

Já a gestão do fundo fica a cargo do BTG Pactual Serviços Financeiros. A taxa de administração cobrada, em agosto de 2021, era de 3,5% sobre o total da receita mensal do fundo — ou, no mínimo, R$ 36 mil.

Ainda, em sua política de distribuição de dividendos está previsto que, no mínimo, 95% dos lucros serão partilhados. O montante é distribuído mensalmente até o 15º dia útil subsequente ao recebimento do aluguel, deduzidas as despesas e provisões.

Em agosto de 2021, seu patrimônio líquido era superior a R$ 329,17 milhões. No mesmo período, a quantidade de cotistas estava em 8.020, sendo 7.862 pessoas físicas e 157 pessoas jurídicas.

Quais são as vantagens e riscos de investir em fundos imobiliários?

Sabendo agora o que são os fundos imobiliários e características específicas do BBFI11B, é pertinente conhecer as vantagens e desvantagens de investir em FIIs.

Veja!

Vantagens

Uma das principais vantagens do investimento em FIIs é a acessibilidade. Isso porque, em regra, o capital necessário para adquirir uma cota é consideravelmente inferior ao que seria preciso para comprar um imóvel corporativo.

Outra vantagem é a isenção tributária sobre os dividendos para pessoas físicas. Assim, não é preciso recolher imposto quando você recebe os valores obtidos com aluguéis ou venda dos imóveis de um FII — o que geralmente não acontece quando você é o dono do imóvel.

Também vale ressaltar a diversificação proporcionada. Embora o BBFI11B tenha apenas 2 imóveis em carteira, os ganhos de um podem equilibrar uma eventual vacância do outro. Porém, vale destacar que existem FIIs no mercado com portfólios mais amplos.

Desvantagens

Por outro lado, é preciso conhecer as desvantagens. A primeira refere-se à necessidade de o FII ter lucro para distribuir dividendos. Ou seja, caso todos os imóveis fiquem vagos, o FII poderá reduzir ou suspender o pagamento desse benefício até que eles voltem a trazer receita.

Outra desvantagem está relacionada ao recolhimento de Imposto de Renda (IR) sobre o ganho de capital com a venda de cotas. Diferentemente de ações, cuja isenção para vendas se dá em um volume total de até R$ 20.000 no mês, os FIIs não estão cobertos por esse mesmo benefício.

Por fim, é necessário ter atenção aos riscos. Como essa é uma alternativa de renda variável, não há garantia de retorno — inclusive, há riscos de perdas financeiras.

Como investir em FIIs?

Chegando até aqui, se você entender que o investimento em FIIs faz sentido para o seu perfil de investidor e objetivos financeiros, é preciso saber como realizá-lo.

A negociação de cotas de FIIs é semelhante à compra e venda de ações. Logo, você precisará abrir uma conta em um banco de investimentos. Por meio dele, você ganha acesso gratuito ao home broker — plataforma digital onde são negociados esses e outros ativos na bolsa de valores.

Após ingressar no ambiente de negociações, será preciso digitar o ticker do ativo que pretende negociar (no caso, o BBFI11B). O próximo passo consiste em determinar a quantidade e o valor que deseja pagar por cada cota.

Na sequência, envie a ordem de compra. Caso tenha um vendedor interessado nas condições ofertadas, o negócio será executado e em poucos dias as cotas serão lançadas na sua carteira.

Você viu neste artigo que o BBFI11B pode ser uma alternativa para quem busca se expor ao mercado imobiliário sem precisar comprar um imóvel. Porém, a tomada de decisão deve ser pautada em uma análise prévia de seu perfil e objetivos, além de uma avaliação fundamentalista do FII em questão.

Vai começar a investir? Então não deixe de contar com o melhor banco de investimentos do mercado: abra sua conta no BTG Pactual digital!

Equipe André Bona
WRITEN BY

Equipe André Bona

O Portal André Bona é um site de educação financeira independente, que tem como missão auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e seus produtos. Assine nossa newsletter!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]