O BTG Pactual renovou a recomendação de compra para os papéis da Vale (VALE3), em relatório enviado aos seus clientes na noite da última quinta-feira (29). A decisão do banco foi tomada após a divulgação da nova política de dividendos da mineradora brasileira.

No documento, os analistas Leonardo Correa e Gerard Roure recomendaram a compra dos papéis da Vale e mantiveram o preço-alvo para as ações da companhia em US$ 14,00 (cerca de R$ 46,20). A recomendação da equipe do banco de investimentos aos investidores é a de “que comprem ações da Vale nos níveis atuais”.

Nova política de dividendos

A nova política de remuneração aos acionistas da Vale foi aprovada pelo conselho de administração da companhia na última quinta-feira (29), e deve entrar em vigor a partir da publicação do resultado do primeiro semestre deste ano. Segundo a nova política de dividendos, o repasses aos investidores deverá ocorrer em duas parcelas semestrais, sendo a primeira no mês de setembro do ano corrente e a segunda em março do ano subseqüente.

O valor dos dividendos pagos aos acionistas será de 30% da geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado, menos o investimento corrente. Pagamentos extraordinários de dividendos podem ser aprovados, dependendo das condições do mercado.

Impressões sobre a nova política

Em seu relatório, a equipe do BTG Pactual salientou que a nova política de dividendos aprovada pela Vale deverá agradar ao mercado, principalmente devido à simplicidade, previsibilidade e sustentabilidade dos novos planos pertinentes ao pagamento de dividendos pela mineradora aos seus acionistas.

“Com o tempo, não nos surpreenderíamos se os investidores em rendimento retornassem à Vale, dados os dividendos potencialmente significativos esperados no futuro”, destacaram os analistas. Com base no cálculo dos profissionais do BTG Pactual, a Vale deverá entregar um dividend yield de 6 a 8% em 2019.

Na última sessão da semana passada (29), os papéis da Vale (VALE3) fecharam em alta de 1,61%, negociados a R$ 41,21.

 

Quer aprender mais sobre investimentos e finanças? Então conheça o treinamento online “O Investimento Perfeito”Clique aqui e saiba mais sobre o curso!

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *