Gênio, pintor, inventor, artista. O currículo do criador da Mona Lisa e da Última Ceia é bastante extenso – e justamente por conta das suas inúmeras obras e habilidades é que Leonardo da Vinci é conhecido em todo o planeta.

E se você soubesse, no entanto, que este grande nome das artes já precisou criar seu próprio currículo profissional? Pode parecer insanidade, mas isso realmente aconteceu. Uma carta, escrita por Da Vinci ao Duque de Milão, Ludovico Il Moro, é hoje considerada o primeiro registro da História de um currículo sob a forma como conhecemos.

Além da sua importância histórica, este documento tem muito a nos ensinar – principalmente no que se refere à montagem de um currículo profissional. Por isso, no artigo de hoje, você aprenderá a fazer seu próprio currículo com Leonardo da Vinci, o inventor do famoso curriculum vitae.

“Vendendo seu peixe”

Em carta enviada no ano de 1482 ao Duque de Milão, Leonardo da Vinci listou suas maiores habilidades e descreveu suas principais invenções – como as carruagens, armas e outras construções autorais. Por se tratar de um inventor bastante eclético, Da Vinci possuía um grande diferencial em relação aos demais inventores da época: poderia auxiliar seus contratantes nas mais diversas –e adversas – situações.

Em momentos de guerra, ele poderia oferecer seus serviços para a criação de armas, pontes e barcos. Em momentos de paz, ele podia também oferecer suas habilidades enquanto artista, criando desenhos e pinturas, além de esculturas.

Todas estas habilidades foram descritas e listadas em sua carta-currículo. E a tática deu certo: o Duque de Milão tornou-se mecenas do artista – uma espécie de patrocinador das artes.

Leia a seguir a tradução da carta enviada por Leonardo da Vinci há mais de 500 anos, que pode servir de inspiração para qualquer profissional que deseja criar um bom currículo profissional:

“Mais ilustríssimo lorde,

Tendo agora considerado suficientemente os exemplares de todos aqueles que se proclamam peritos em inventar instrumentos de guerra, e que a invenção e operação dos referidos instrumentos não são nada diferentes dos de uso comum: Eu devo esforçar-me, sem prejuízo de qualquer outra pessoa, para explicar para Vossa Excelência, mostrando meus segredos para Vossa Senhoria, e depois oferecê-los ao seu prazer e aprovação para trabalhar com efeito em momentos oportunos em todas as coisas que, em parte, serão brevemente descritas a seguir.

1 . Eu faço uma espécie de ponte extremamente leve e forte, adaptada para ser mais facilmente transportada, e com a qual você pode perseguir, e em qualquer momento fugir do inimigo; e outras, seguras e indestrutíveis pelo fogo e por batalhas, fácil e conveniente para mover e colocá-las em posição. Também possuo métodos para queimar e destruir as pontes dos inimigos.

2 . Eu sei como, quando um lugar está sitiado, levar água para fora das trincheiras, e fazer uma variedade infinita de pontes, caminhos e escadas, e outras máquinas importantes para tais expedições.

3 . Se, por razão da força ou da elevação de sua posição, seja impossível seguir com o plano de bombardeamento, eu tenho métodos para destruir cada pedra ou outras fortalezas, mesmo elas tenham sido fundadas em uma rocha.

4 . Mais uma vez, Eu tenho diversos tipos de morteiros; mais conveniente e fácil de transportar ; e com esses eu posso atirar pequenas pedras quase semelhante a uma tempestade; e com a fumaça destes causar grande terror ao inimigo, para seu grande prejuízo e confusão.

5 . E se a luta tiver que ser no mar, Eu tenho muitos tipos de máquinas mais eficientes de ataque e defesa; e navios que resistem ao ataque das maiores armas de fogo.

6 . Eu tenho meios, através de tortuosos e secretos caminhos, feitos sem ruído, para chegar ao local designado, mesmo que seja necessário passar debaixo de uma trincheira ou um rio.

7 . Eu posso fazer carruagens cobertas, seguras e inatacáveis, que, entrando em contato com o inimigo e sua artilharia, não haveria corpo de homens tão grandes que ela não pudesse quebrar. E por trás destas, a infantaria poderia seguir ilesa e sem qualquer impedimento.

8 . Em caso de necessidade Eu posso fazer grandes armas, morteiros e artilharia refinadas e úteis, diferentes dos tipos comuns.

9 . Quando a operação de bombardeio falhar, Eu poderia inventar catapultas, manganelas, trabucos, e outras máquinas de eficácia maravilhosa e não de uso comum. E, em breve, de acordo com a variedade dos casos, Eu posso inventar vários e intermináveis meios de ataque e defesa.

10 . Em tempos de paz Eu acredito que posso dar satisfação perfeita e igual a qualquer outro em arquitetura e composição de edifícios públicos e privados; e fazer com que a água seja transportada de um lugar para outro

11 . Eu posso realizar esculturas em mármore, bronze, ou barro, e Eu também posso fazer na pintura tudo o que pode ser feito, assim como qualquer outro, seja ele quem for.

Mais uma vez, o cavalo de bronze pode ser tomado na mão, o que irá revestir de glória imortal e eterna a honra da memória do príncipe seu pai e da ilustre casa de Sforza .

E se nenhuma das coisas acima citadas parecer impossível ou inviável de fazer, Eu estou mais do que pronto para fazer os testes em seu parque ou em qualquer lugar que possa agradar a Vossa Excelência – para quem eu me dirijo com toda a humildade possível.”

Crie um currículo profissional com Leonardo da Vinci

Leonardo da Vinci é, sem dúvidas, um exemplo de extraordinária inteligência, dedicação à criações e à arte. O artista, no entanto, também deve ser lembrado pelo seu empenho e determinação em correr atrás do seu sucesso profissional.

Por isso, nada mais justo que aprender a criar um currículo profissional com aquele que, de certa forma, inventou este documento tão importante nos dias de hoje. Confira a seguir como montar seu currículo profissional de maneira objetiva, clara e satisfatória,  que pode ajudar você a evoluir na sua carreira.

Montando o currículo

A forma do currículo é particular de cada um. De maneira geral, o currículo pode ser redigido de duas formas: de maneira cronológica – na qual os dados biográficos são dispostos em itens cronológicos – ou de modo objetivo, como o de Da Vinci – no qual o texto é redigido com base nos objetivos profissionais.

No “modelo Da Vinci” de currículo profissional é preciso criar o documento de acordo com o tipo de cargo você almeja, não se esquecendo também de considerar as empresas que lhe interessam no campo profissional.   E imprescindível expor, de forma clara, as suas habilidades – sem esquecer a humildade, descrevendo o que você gosta e sabe fazer e de que maneira suas capacidades podem agregar à empresa.

Evite inserir informações pouco relevantes para seu trabalho e jamais inclua dados inverídicos.  Seja sempre claro e objetivo, evidenciando suas intenções. Este modelo pode ser mais trabalhoso de se fazer, mas certamente é muito mais eficiente que produzir um currículo genérico, não é mesmo?

Com o modelo e as informações corretas, você conseguirá impressionar seus contratantes pelas suas habilidades, pela sua objetividade e também por demonstrar seu interesse em trabalhar para aquela empresa que você tanto respeita e admira. Um bom currículo profissional, somado a uma formação de qualidade, poderá fazer você avançar com mais facilidade na profissão e evoluir a passos largos em sua carreira profissional.

Gostou do artigo de hoje? Então assine nossa newsletter e fique por dentro dos conteúdos do Blog de Valor.

 

Quer aprender mais sobre investimentos e finanças? Então conheça o treinamento online “O Investimento Perfeito”Clique aqui e saiba mais sobre o curso!

Autor

Equipe André Bona

O Portal André Bona é um site de educação financeira independente, que tem como missão auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e seus produtos. Assine nossa newsletter!

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *