O banco Banrisul informou ao mercado, na última sexta-feira (25), que protocolou na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) o pedido de oferta pública inicial de ações (IPO) para sua unidade de cartões. O IPO da Banrisul Cartões será coordenado pela própria instituição gaúcha e pelo banco de investimentos BTG Pactual.

De acordo com o próprio Banrisul – que é controlado pelo governo do Rio Grande do Sul, a operação na bolsa consistirá na emissão de novas ações preferenciais em oferta primária, e na venda de ações preferenciais pelo Estado do Rio Grande do Sul em oferta secundária. O banco gaúcho também salientou a possibilidade de realizar uma subscrição privada de ações preferenciais e ordinárias antes da obtenção de registro da oferta publica inicial de ações na CVM.

Estrutura acionária do Banrisul Cartões

Em prospecto preliminar entregue à Comissão de Valores Mobiliários, o Banrisul destacou a estruturação acionária da sua unidade de cartões em meio à sua oferta pública inicial de ações. Após o IPO, o banco deixará de ter participação em ações preferenciais da Banrisul Cartões.

“O intuito da emissão de ações ordinárias é adequar a estrutura acionária do Banrisul Cartões previamente à emissão das ações preferenciais no âmbito da oferta (IPO); e de ações preferenciais é viabilizar o empréstimo de ações para a realização das atividades de estabilização, visto que o acionista controlador do Banrisul Cartões não possuirá ações preferenciais após a oferta e o acionista vendedor venderá a totalidade das ações preferenciais do Banrisul Cartões que vier a ser titular no âmbito da oferta”, disse o banco por meio do documento.

IPOs na bolsa brasileira

A decisão do banco gaúcho de realizar um IPO na bolsa brasileira ocorre em meio ao aumento da desconfiança dos investidores em relação ao mercado – sentimento este que fez diversas empresas adiarem seus planos de IPO, como foi o caso da Ri Happy, Liquigás e Algar Telecom.

A oferta de ações da Banrisul Cartões será coordenada pelo próprio banco gaúcho e pelo BTG Pactual, que atuará como coordenador adicional do IPO. Ainda não há data para realização do IPO  do segmento de cartões do banco do Rio Grande do Sul na bolsa brasileira.

 

Quer aprender mais sobre investimentos e finanças? Então conheça o treinamento online “O Investimento Perfeito”Clique aqui e saiba mais sobre o curso!

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *