Você já ouviu falar sobre investir em loteamento? Esse tipo de investimento no segmento imobiliário é conhecido por ser uma alternativa para quem ainda costuma comprar imóveis para investimento.

Uma alternativa que pode ser rentável no médio e longo prazo, o investimento em loteamento é diferente do investimento em terras (ou terreno). Embora os dois modelos estejam relacionados, eles representam denominações diferentes de espaço – já que o terreno é um pedaço de terra que pode ser usado por inteiro ou dividido em partes – em lotes.

O loteamento é, portanto, a divisão do terreno. E é exatamente por isso que os lotes tendem a ser mais baratos que os terrenos inteiros. Mas você sabe como escolher o melhor espaço para investir?

Continue acompanhando o artigo para entender um pouco mais sobre como investir em loteamento e descubra se esta alternativa de investimento do mercado imobiliário faz sentido para você.

O que é investir em loteamento?

Como explicado, loteamento é nada mais que a divisão de um terreno de grande proporção. Cada parte dessa divisão é chamada de lote, no qual podem ser realizadas diferentes tipos de construções, como casas ou estabelecimentos comerciais.

Quando um loteamento é aprovado, geralmente são criadas ruas e outros tipos de vias públicas de acesso entre os lotes. No caso de um loteamento privado, essas vias podem ser controladas.

Vale ressaltar que os loteamentos não são a mesma coisa que os condomínios. Enquanto no primeiro o comprador adquire apenas uma área definida (lote), tendo as áreas ao redor de uso comum de todos e sem pagar um valor por isso, em um condomínio, o indivíduo também é financeiramente responsável pelas áreas de lazer, mesmo que não utilize.

Os loteamentos também possuem regulamentações específicas. Elas geralmente são supervisionados por organizações, como associações de moradores, a prefeitura ou até mesmo pelos próprios proprietários.

Sendo assim, investir em loteamento é semelhante a investir na compra de um ou mais lotes dentro de um terreno.

Por que investir em loteamento?

Dentro do mercado imobiliário, o investir em terras e loteamentos é uma forma de aplicar o seu dinheiro na busca por uma boa rentabilidade no médio ou longo prazo. Quando o indivíduo adquire um loteamento, está fazendo, portanto, um investimento de alguns anos.

Um dos principais motivos que fazem do investimento em lotes uma alternativa considerada por muitas pessoas é o custo mais baixo na comparação com imóveis prontos e a possibilidade de rentabilidade do negócio.

Afinal, sempre existe a possibilidade de valorização dos lotes – principalmente se a aquisição foi realizada em uma área em expansão. Contudo, é importante ressaltar que este tipo de aporte tem seus riscos.

O principal risco envolvido é o risco de liquidez. Isso significa que, caso o investidor precise do dinheiro líquido em mãos por algum motivo, pode ter dificuldades em transformar o lote em espécie. Ou pode perder dinheiro em uma má negociação.

Dicas para escolher o melhor terreno para investir

Se você acredita que investir em loteamento faz sentido para você, é importante conferir algumas dicas que podem ajudar na escolha do melhor investimento antes de fazer seu aporte.

Confira algumas dicas essenciais para garantir um bom negócio:

1. Procure por loteamentos com boas projeções de valorização

A primeira questão a ser analisado antes de investir em loteamento é o potencial de valorização daquele terreno.

Para isso, não é necessário ser um agente imobiliário, basta analisar a região de localização do terreno e pesquisar como são (ou pretendem ser) os estabelecimentos ao redor. Conversar com vizinhos também é uma boa forma de obter essas informações.

Quanto mais empreendimentos, imóveis, opções de transporte público e benfeitorias, mais valorizado poderá estar o loteamento a longo prazo.

2. Verifique o histórico da empresa responsável pelo loteamento

Todo loteamento é realizado por uma empresa do ramo responsável por aquele negócio em questão – também chamada de incorporadora. Assim, como em qualquer transação feita com uma empresa, a dica é sempre pesquisar o histórico da mesma.

Visite loteamentos lançados anteriormente pela empresa, converse com pessoas que já negociaram com a incorporadora e, especialmente, verifique como foram as valorizações dos empreendimentos realizados por essa empresa.

Um histórico de bons resultados é sempre uma garantia a mais para o seu negócio.

3. Confira a documentação do investimento

Assim como é necessário investigar o histórico da incorporadora responsável pelo loteamento, também é fundamental olhar com atenção toda a documentação do lote.

Caso o loteamento seja irregular, a documentação denunciará esse problema. Entre os contratempos que podem ser identificados estão a instalação do loteamento próximo a áreas de mananciais ou de proteção ambiental.

Em caso de qualquer irregularidade, o ideal é deixar esse loteamento de lado e procurar outro mais seguro.

4. Saiba todos os detalhes referente ao pagamento do negócio

Outra dica importante é conferir todas as informações que envolvam os valores e pagamentos do investimento – incluindo taxas, prazos, opções de pagamento, financiamento e facilidades que tornem a negociação favorável para o investidor.

Se as condições não forem favoráveis para você, também não é ideal investir mesmo assim. Afinal, a ideia é ter lucros e não prejuízos.

Como está o mercado de loteamentos?

Segundo informações da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), o momento está favorável para investir em loteamentos.

Fatores como a inflação em baixa, o aumento do PIB nacional e a regulamentação da Lei de Distrato ajudam a aumentar a confiança de empresários e consumidores. E contribuem diretamente para o momento positivo no setor imobiliário.

Antes de tomar uma decisão, no entanto, vale a pena avaliar seu perfil de investidor, seus objetivos de curto, médio e longo prazo e os prós e contras deste investimento. Considere os riscos, a liquidez e opte pela opção que faça mais sentido para você.

Se você gostou deste conteúdo, aproveite para se inscrever em nossa newsletter!

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *