Você é assalariado e recebe 13º salário? Se a resposta for positiva, é bastante possível que você tenha dúvidas sobre o que fazer com este ganho adicional que faz parte do dia a dia do trabalhador durante os meses de novembro e dezembro de cada ano.

Muita gente utiliza o 13º salário para adquirir presentes de Natal ou arcar com despesas das festas de final de ano, enquanto outras pessoas optam por economizar o montante para pagar contas de início de ano, por exemplo. Mas, afinal, o que fazer com o 13º salário e qual a melhor maneira de fazer bom uso deste salário adicional?

Por isso, no artigo de hoje, você conhecerá algumas opções de como utilizar o seu 13º salário com inteligência neste e nos próximos anos. Acompanhe!

A importância do mapeamento financeiro

Antes de descobrir o que fazer com o 13º salário é imprescindível que você faça um mapeamento da sua situação financeira atual. Afinal, se você está em uma situação de endividamento, por exemplo, não seria uma boa escolha utilizar esta remuneração adicional para gastos desnecessários, não é mesmo?

Por isso, a primeira decisão que você deve tomar em relação ao 13º salário é identificar se você possui ou não possui dívidas – como um empréstimo ou financiamento, por exemplo. Se este for seu caso, é altamente recomendado que você utilize este ganho de final de ano para adiantar algumas parcelas da sua dívida ou mesmo quitá-la integralmente.

Lembre-se que cada vez que você quita uma obrigação mensal, você aumenta a quantidade de dinheiro disponível para uso nos meses subseqüentes.

Escolhendo um destino para o seu dinheiro

Se a sua situação não é de endividamento, existem muitos destinos inteligentes que você pode dar ao seu dinheiro neste final de ano. Para quem não tem uma reserva de emergência formada, por exemplo, vale a pena utilizar o 13º salário para formar esta reserva emergencial e manter-se mais protegido de eventualidades financeiras.

Clique aqui para conhecer o melhor investimento para a reserva de emergência.

Quem já formou a reserva de emergência, por outro lado, pode escolher utilizar este ganho adicional para as mais diversas finalidades. É possível, por exemplo, utilizar o ganho para incrementar os aportes na Previdência Privada PGBL para se beneficiar das vantagens tributárias deste tipo de investimento.

Se você já definiu planos e metas de médio e longo prazo, também é possível utilizar o 13º salário para realizar novos aportes e aproximar-se ainda mais da realização dos planos previamente definidos.

Investir em produtos financeiros, no entanto, não é a única opção quando o assunto é o que fazer com o 13º salário se você não tem dívidas. Escolher utilizar este ganho para viajar com a sua família nas férias, comprar presentes para seus entes queridos, poupar para quitar despesas adicionais de início de ano ou até comprar algo que você deseja adquirir há bastante temo também podem ser opções inteligentes para fazer bom uso do seu dinheiro.

A importância do planejamento financeiro

Como você pode perceber, existem diversos destinos que você pode dar ao seu 13º salário para que este dinheiro seja aproveitado de maneira inteligente e de acordo com os seus desejos e necessidades. Porém, é preciso ter em mente que, quando há dúvidas sobre o que fazer com o 13º salário recebido anualmente, é necessário acender um alerta em relação à sua organização e ao seu planejamento financeiro.

Quando alguém não sabe qual destino dar ao seu dinheiro – seja sua remuneração mensal, o 13º salário ou rendimentos adicionais, isso normalmente significa que não existe, ali, um hábito de planejar e organizar as finanças – que incluem a definição de metas pessoais e de objetivos financeiros a serem alcançados no curto, médio e longo prazo.

Por isso, o ideal é que você saiba o que vai fazer com o 13º salário muito antes de recebê-lo – o que significaria, na prática, que você tem um planejamento financeiro traçado e que está empenhado em segui-lo a risca, visando atingir seus objetivos e sonhos de curto, médio e longo prazo.

Agora que você já conhece algumas opções  de como utilizar o 13º salário com inteligência e entende a importância de planejar-se financeiramente para evitar estas dúvidas nos próximos anos, que tal descobrir 7 dicas para administrar seu dinheiro como um profissional?

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *