Uma hora ou outra eles chegam à vida de todos nós. Os tempos de crise podem acontecer por motivos variados — como problemas de saúde, dificuldades financeiras, conflitos interpessoais etc. Com eles3, vêm muitos desafios.

Saber superar uma crise não é fácil. Contudo, ela também traz oportunidades de aprendizado que podem mudar nossa postura para melhor e nos deixar mais preparados para o futuro. Então, que tal descobrir como aproveitá-los?

Veja 6 comportamentos para adotar durante uma crise. Eles ajudam a passar por ela de forma mais equilibrada e superar as dificuldades!

1. Entenda o momento

Momentos de crise nos tiram do nosso cotidiano normal. Então, uma das piores reações que se pode ter durante tempos assim é fingir que eles não existem e que tudo se manteve como antes. Ao fazer isso, as coisas podem se tornar mais difíceis.

O primeiro passo para superar a crise é entender o momento que você está passando. Seja por qual motivo for, é normal se sentir diferente ao se ver diante de muitos desafios. Alguns sentimentos comuns são: nervosismo, ansiedade e insegurança.

Negar as emoções difíceis ou tentar não senti-las não ajudará. Logo, o caminho é acolher seus sentimentos em relação à época que está vivendo e buscar formas de lidar com eles.

Além de entender suas reações pessoais, é preciso compreender a crise: o que a causou? Quais são as principais dificuldades trazidas por ela? Como você pode enfrentá-las?

Procure identificar os recursos e estratégias que têm para lidar com os tempos críticos. A reserva de emergência ou ideias de renda extra são exemplos que podemos citar como recursos interessantes para crises financeiras.

2. Não pense apenas no mesmo assunto

Um dos principais problemas gerados por uma crise é o foco exagerado que tendemos a dar no que nos desafia. Passar horas pensando sobre ela, sem encontrar soluções, costuma causar ainda mais ansiedade e nervosismo.

Então, a dica é romper a lógica. Se a crise é causada por uma situação adversa global, como foi o caso da pandemia do novo coronavírus, limite o tempo que você passa acessando notícias. É importante se manter atualizado, mas com moderação.

Já para quem está enfrentando crises pessoais, a orientação é também tentar não pensar apenas no mesmo assunto. Leia sobre outros temas, tenha conversas variadas e se distraia com coisas das quais gosta para mudar um pouco o viés.

Essa é uma estratégia de saúde mental, pois o hiperfoco no problema aumenta atividades de estresse no cérebro e faz com que mais hormônios com impactos negativos sejam liberados no seu corpo. Em contraponto, distrair-se faz o efeito contrário e traz equilíbrio ao momento.

3. Busque uma rede de apoio

Os seres humanos não vivem sozinhos. Ainda que existam personalidades mais introspectivas e com menos contato social, sempre há a busca por apoio social diante de alguma dificuldade. Logo, certamente você tem uma ou algumas pessoas que lhe trazem conforto.

Em períodos de crise é importante contar com a rede de apoio. Familiares, amigos ou mesmo colegas de trabalho podem ajudar a passar pelos problemas e até encontrar soluções que você não conseguiu sozinho.

Muitas vezes, a crise afeta nossa percepção e torna mais difícil encontrar saídas. Por isso, é importante ter o olhar de outros para ampliar sua visão. Além disso, pode ser necessário procurar auxílio de profissionais.

Buscar atendimento de profissionais da saúde mental ou a orientação de um especialista na sua crise (um assessor financeiro, por exemplo) pode fazer toda a diferença. Tratam-se de pessoas que se prepararam para lidar com os desafios de momentos assim.

4. Mantenha seus planos

Ao se ver diante de uma crise costuma ser muito difícil precisar abrir mão de determinados planos ou adiá-los. De fato, alguns deles não podem ser realizados ou, pelo menos, não podem ser mantidos durante um tempo.

Ainda assim, é possível continuar com determinados planos ou definir outros — adaptados à época que você está vivendo. A capacidade de se planejar e de pensar no futuro é algo importante na crise, pois permite trazer uma relativa normalidade ao momento.

Vamos pensar em uma crise financeira: quem perde o emprego ou tem sua renda abalada normalmente precisa adaptar o orçamento até se recuperar. Seria impossível fazer isso sem se planejar, certo?

Então, manter os planos que haviam sido feitos ou refazê-los considerando as limitações do momento é essencial para se organizar. Desse modo, é possível ter uma direção a seguir, mesmo que seja necessário rever as rotas.

5. Visualize o final da crise

Ainda falando sobre a orientação de manter seus planos, vale a pena fazer o exercício de planejar também o final da crise. Afinal, ela passará. E quando passar, você poderá retomar sonhos ou viver outros.

Então, como uma estratégia para manter sua saúde mental hoje e superar a crise, visualize o final da situação. Pode demorar um pouco, mas ele acontecerá. O que você gostaria de fazer quando os problemas dessem uma trégua?

Ter metas e objetivos é uma forma de se manter motivado para enfrentar as dificuldades e vencê-las. Então, experimente se projetar para depois da crise e pensar sobre como será o futuro.

6. Aprenda com a crise

Muitas vezes, isto não é o que queremos ouvir durante uma crise, mas é a verdade: os desafios trazem oportunidades de aprendizado. Pense em alguém que foi demitido ou não conseguiu a promoção que queria.

Certamente, a situação o deixa desanimado e em crise profissional por um tempo. Ao mesmo tempo, ela também pode abrir espaço para que a pessoa reveja seus planos, invista em qualificação e conquiste novos espaços no futuro — quem sabe até empreenda.

Pensando por esse lado, vale a pena se questionar que necessidades de aprendizagem a crise pode lhe indicar. Dificuldades financeiras costumam ensinar muito sobre a importância da organização e da reserva de emergência, por exemplo.

Você com certeza será capaz de superar a crise. Enquanto isso não acontece, reflita sobre novas habilidades e conhecimentos que podem lhe preparar para criar saídas diferentes para sua vida. Com os 6 comportamentos que trouxemos, a travessia será mais fácil!

Está enfrentando problemas financeiros? Veja nossas orientações para cortar gastos e manter a liquidez na crise!

Autor

Equipe André Bona

O Portal André Bona é um site de educação financeira independente, que tem como missão auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e seus produtos. Assine nossa newsletter!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *