Quem deseja sair de uma empresa, independentemente dos motivos, pode passar por situações intensas. Apesar da ansiedade envolvida, trata-se de um processo que precisa acontecer da forma correta — e saber usar um modelo de carta de demissão é essencial.

Esse documento apresenta de maneira formal a intenção de um funcionário em se desligar da empresa. Assim, é um ato de comunicação que contribui para evitar desgastes e manter o bom relacionamento com os gestores, mesmo após deixar o cargo.

Mas afinal, qual o melhor modelo de carta de demissão utilizar para formalizar o desligamento? Se você tem dúvidas sobre o assunto, continue a leitura!

O que avaliar antes de pedir demissão?

Pedir demissão é uma decisão complicada, mesmo que o profissional tenha encontrado uma nova oportunidade. É comum ter uma sensação de insegurança sobre o que virá pela frente. No entanto, pode ser uma virada de rumos benéfica e contribuir para o crescimento.

Sendo assim, é importante ter um bom planejamento antes de pedir o desligamento da empresa e garantir que tudo aconteça da forma correta.

Veja dicas para analisar antes de comunicar sua demissão!

Avalie se o momento é favorável

Para ter maior segurança nas suas decisões, é importante avaliar se o momento é favorável para a demissão. Mesmo que você tenha uma nova oportunidade, analisar todos os fatores contribui para ter certeza do que é melhor para sua situação.

Certifique-se dos seus direitos e deveres

Se você realmente deseja se desligar do atual emprego também é determinante saber todos os seus direitos e deveres. Portanto, garanta que tudo aconteça da forma correta e de acordo com as leis, sem causar transtornos para você e a empresa.

Como fazer a comunicação de maneira adequada?

O processo para sair de uma empresa é comum na carreira de todo profissional e exige bastante cautela e cuidado. É um momento delicado no qual, além de ter atenção para preservar os direitos, manter um bom relacionamento é imprescindível.

Diante disso, é aconselhável que o profissional que deseja se desligar da empresa tenha uma comunicação adequada e formalizada. Assim, é possível manter um clima agradável e preservar os contatos — o que pode ser crucial para o futuro profissional.

Se você decidiu que a demissão é a melhor decisão, é o momento de formalizar o pedido. Para tanto, a carta de demissão é uma alternativa para se comunicar com os gestores e expressar suas intenções de maneira adequada.

Saiba como redigir a sua carta de demissão!

Faça a carta a próprio punho

Embora os computadores sejam mais fáceis para escrever uma carta, nessa ocasião é importante fazer a próprio punho. Escrever a carta a mão ajuda a evitar transtornos no futuro, pois certifica que não houve fraudes e que foi uma solicitação sua.

Tenha objetividade

Mesmo que você tenha um tempo elevado de trabalho e um relacionamento próximo com os gestores, seja sucinto ao escrever. Evite muitas justificativas e críticas a colegas ou superiores, para demonstrar respeito e profissionalismo.

Não se esqueça da data e assinatura

Devido a intensidade do momento, muitos profissionais acabam deixando de inserir informações relevantes na carta de demissão. Para que tenha validade legal, é preciso colocar a data, assinar, colocar o registro profissional e o nome legível.

Dessa forma, o setor responsável não terá problemas para validar a sua solicitação e evita qualquer transtorno. Após concluir a carta de demissão, tire cópias para entregar à empresa e uma para manter em seu arquivo.

3 Modelos de carta de demissão para usar

Para tornar a elaboração da carta de demissão mais fácil e eficiente, existem modelos específicos que podem ser utilizados. Sobretudo, com uma comunicação direta e agradável, demonstrando profissionalismo e seriedade para tratar de um assunto importante.

Se escrever a carta de demissão é complicado para você, não se preocupe. Veja 3 modelos ideais para escolher e utilizar!

1. Modelo para demissão com aviso prévio

Para profissionais que desejam se desligar da empresa e cumprir o aviso prévio, o que é uma prática comum, a carta pode ser elaborada da seguinte maneira:

À ____ (nome da empresa)

Prezados Senhores (ou nome do gestor responsável/ Departamento Pessoal)

Devido a motivos pessoais/profissionais, venho por meio desta carta comunicar, formalmente, meu pedido de demissão do cargo (descreva o cargo que ocupa) na empresa.

Também informo, que estarei disponível para o cumprimento do aviso prévio de acordo com a lei, no seguinte período (descreva o início e término do cumprimento do aviso).

Local e data

Assinatura

Nome legível

2. Modelo para demissão sem cumprir o aviso prévio

No caso de não cumprimento do aviso prévio, a carta pode ser elaborada de acordo com outro modelo. Mas é importante salientar que o empregador não é obrigado a aceitar a dispensa do aviso prévio. Se não for aceito, você terá que pagar uma multa.

Confira a carta:

À ____ (nome da empresa)

Prezados Senhores (ou nome do gestor responsável)

Venho comunicar formalmente, por meio desta carta, o meu pedido de demissão do cargo que ocupo nesta empresa. Por motivos pessoais/profissionais, solicito a dispensa do cumprimento do aviso prévio e encerramento imediato do contrato de trabalho.

Local e data

Assinatura

Nome legível

3. Modelo de carta com agradecimentos

O modelo de carta de demissão que expressa agradecimento à empresa pode ser usado se você deseja causar boa impressão e manter relacionamento. A carta pode ser redigida da seguinte forma:

À ____ (nome da empresa)

Prezados Senhores (ou nome do gestor responsável)

Venho por meio desta carta formalizar o meu pedido de demissão do cargo (descreva seu cargo) que ocupo na empresa. Aproveito a oportunidade para agradecer por ter atuado nesta empresa, que muito contribuiu para minha carreira profissional e vida pessoal.

Cumprirei o aviso prévio conforme a lei e me coloco à disposição para treinar um profissional substituto.

Local e data

Assinatura

Nome legível

Como você pode perceber, ter um modelo de carta de demissão é muito importante para formalizar seu pedido. Afinal, trilhar novos rumos na carreira deve ser uma decisão feita com seriedade e profissionalismo, mantendo as portas sempre abertas.

Gostou do conteúdo? Se você ainda tem dúvidas sobre as mudanças na sua carreira, leia agora mesmo como saber se está na hora de pedir demissão!

 

Autor

Equipe André Bona

O Portal André Bona é um site de educação financeira independente, que tem como missão auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e seus produtos. Assine nossa newsletter!

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *