Economizar e poupar dinheiro no dia a dia são tarefas que, quando concluídas com sucesso, nos trazem grande satisfação – principalmente quando temos a impressão de que utilizamos bem o nosso dinheiro no dia a dia, sem excessos e compras por impulso.

Mas, e na hora de viajar? Será que é possível fazer boa uma viagem com economia? Saiba que, com organização e planejamento, é plenamente possível organizar uma excelente viagem – sozinho ou com a família, para destinos nacionais ou para o exterior – sem gastar muito dinheiro.

Quer saber como? Então continue a leitura de hoje e descubra 6 dicas de ouro para organizar sua próxima viagem com economia – sem pesar no seu bolso!

5 dicas de ouro para uma viagem com economia

Fazer uma viagem econômica não significa, na prática, abrir mão do seu bem estar ou dos seus planos no destino que pretende visitar. Para evitar cair na cilada de economizar de maneira incorreta e transformar sua viagem em pesadelo, é imprescindível focar no planejamento.

Se você tem planos de viajar no curto ou médio prazo, é fundamental começar a ficar atento a todas as oportunidades de economia que aparecem relacionadas à viagem – tentando aproveitá-las sempre que possível. Tenha em mente que, se bem planejada, uma viagem com economia acontece de maneira natural – seu que seja preciso cortar custos.

A seguir, você conhecerá 5 dicas de ouro para fazer uma viagem com economia sem abrir mão do seu conforto e dos seus sonhos! Confira!

1. Use e abuse dos alertas

Com o advento da internet, é cada vez mais fácil pesquisar por preços, pacotes, estadias e encontrar oportunidades para economizar em uma viagem – nacional ou internacional. Uma das ferramentas que pode ser fundamental para uma viagem com economia, no entanto, são os sites e aplicativos que oferecem alertas de preço.

Ao se cadastrar nestes sites e aplicativos, você pode solicitar o envio de alertas de preços para passagens aéreas e outros serviços e produtos para o período do ano no qual você pretende viajar. Desta forma, estas plataformas monitoram os preços para você e lhe avisam quando há promoções e queda de preços.

Portanto, se você deseja economizar na hora de viajar, vale a pena cadastrar-se nestas plataformas e usar e abusar destas ferramentas – como o Google Flight. Você pode conseguir descontos incríveis apenas monitorando os preços, aproveitando para comprar sua passagem aérea ou outros serviços quando os valores estiverem mais atrativos.

2. Cadastre-se em um programa de milhas

Cadastrar-se em um ou mais programas de milhas é sempre uma boa opção para economizar nas próximas viagens – uma vez que, a cada viagem realizada, você acumula pontos que podem ser trocados por hospedagens, diárias de locação de veículo, passagens aéreas, entre outros. Você também pode vincular seus gastos no cartão de crédito com seu programa de fidelidade predileto e acumular pontos ao longo do ano.

Se você utiliza bastante o cartão de crédito, por exemplo, pode conseguir trocar sua pontuação por passagens aéreas para sua próxima viagem, sem precisar ter este custo elevado do transporte na hora de viajar.

3. Pesquise por atividades e atrações gratuitas ou com descontos

Ao definir o destino, data de viagem e outros detalhes mais importantes, é o momento de fazer um roteiro. Neste momento, vale a pena pesquisar por atividades e atrações gratuitas que possam existir na região. Alguns locais também oferecem inúmeras atrações com bons descontos para turistas.

No Brasil e no exterior, por exemplo, é comum encontrar museus e outras atrações que têm entrada gratuita ou com preços reduzidos em determinados dias da semana – ou do mês. Por isso, vale a pena fazer uma boa pesquisa sobre seu destino e verificar se há eventos e locais para se visitar com desconto ou até mesmo de graça durante sua estadia.

4. Cuidado com a mala de viagens

É cada vez mais comum a cobrança pelo despacho de malas para viagens pelo Brasil e para o exterior. Por isso, ter cuidado com o peso – e quantidade – das malas é fundamental para uma viagem com economia.

Para evitar pagar pela bagagem extra, vale a pena calcular com frieza todos os itens que você, de fato, vai utilizar na viagem e evitar levar roupas e outros itens supérfluos – que podem lhe custar muito caro em caso de despacho extra de bagagem.

Também vale a pena contatar a empresa aérea antes da viagem, a fim de verificar eventuais custos extras para despachar a bagagem, bem como os limites de peso e quantidade de malas.

5. Lembre-se do passaporte

Você já deve ter ouvido aquela máxima, de que “tempo é dinheiro”, não é mesmo? Por isso, uma viagem com economia também se refere a economizar tempo – antes e durante a viagem.

Para evitar dores de cabeça e muita perda de tempo caso seu destino seja internacional, é imprescindível marcar com antecedência a renovação ou a retirada do seu passaporte. No período de férias, por exemplo, o agendamento para retirada de passaporte pode levar meses em algumas cidades do país – o que pode lhe gerar, além de uma perda imensa de tempo, transtornos inimagináveis.

Lembre-se que, sem o passaporte, você pode ser impedido de visitar a maioria dos países – e pode perder todo o dinheiro investido naquela viagem dos seus sonhos. Portanto, não vacile!

Se a sua intenção é viajar para o exterior em breve, faça ou renove seu passaporte o quanto antes. O passaporte brasileiro tem validade de 10 anos e não é preciso que você tenha uma data pré-definida para fazê-lo.

Seguindo estas 5 dicas de ouro e mantendo um bom planejamento e organização financeira do seu dinheiro e dos custos da viagem, ficará muito mais fácil economizar uma boa grana e fazer uma viagem com economia sem abrir mão do seu bem estar e do seu planejamento!

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

Luana Neves

Jornalista e redatora. Atuou como editora de Economia no Jornal DG e Revista Quem é Quem - Economia, assinou por três anos coluna diária de Economia e já produziu conteúdo para diversos portais de notícias do Brasil.

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *