O Cartão de Crédito é um facilitador no nosso dia a dia! Afinal, possibilita parcelamento de compras, pagamentos físicos, sites online, cadastros em aplicativos de serviços…

Porém, toda essa facilidade pode esconder uma armadilha. A seguir explicaremos por que você não deve emprestar seu cartão de crédito e quais são os riscos escondidos nessa atitude!

Continue a leitura para conhecer 6 motivos para não emprestar seu cartão e seja um especialista no uso inteligente do cartão de crédito!

Motivo 1 – O cartão é de uso pessoal

O cartão de crédito é algo pessoal, emitido baseado em uma análise de crédito específica para cada titular – de acordo com seus dados cadastrais e de renda. Dessa forma, o ‘dono’ do cartão é para quem a instituição forneceu o crédito.

Trata-se, portanto, de um meio de pagamento considerado pessoal e individual, não devendo ter sua senha revelada, principalmente por medidas de segurança.

Existem, inclusive, muitas leis, de diversas esferas, bem como cláusulas do contrato de adesão na contratação do cartão de crédito, que podem determinar que os estabelecimentos devem aceitar o cartão de crédito somente se acompanhado do documento de identidade do cliente.

Essa medida tem o objetivo de evitar fraudes e prejuízos aos consumidores, que podem ter seus cartões e documentos falsificados, clonados e roubados. E muitas análises jurídicas não consideram abuso nem constrangimento negar uma compra ao não se apresentar os documentos, exatamente para evitar o uso por terceiros.

Motivo 2 – Você pode precisar e não ter limite para usar

Como sabemos, o cartão de crédito tem uma utilização restrita ao seu limite de crédito.

Por exemplo, se você tem um cartão com um limite de 3 mil reais, e compra uma televisão no valor de 3 mil reais, mesmo que parcelada em 10X, usará todo seu limite. Ele só será recomposto / liberado após os pagamentos das faturas mês a mês, na maioria dos casos.

Dessa forma, quando um terceiro utiliza seu cartão, ele usa um valor que estava disponível e parte do limite fica comprometido. E até ele ser quitado, o que pode demorar mais em caso de comprar parceladas, você pode ter necessidade de utilização e não ter limite.

Isso pode fazer com que você deixe de aproveitar oportunidades e promoções que surjam. Ou até o pagamento de algum compromisso mais importante.

Motivo 3 – Risco de calote e as consequências

Um dos grandes riscos no empréstimo do Cartão de Crédito é a inadimplência por parte de quem pegou emprestado! Ou seja, o não pagamento a você do valor da quantia que ele utilizou.

Quando isso ocorre, quem sofre é você! Sofrerá as cobranças, restrições no CPF. E acumulará dívidas que, se não forem quitadas, crescerão corrigidas com um dos maiores juros do mercado – que é exatamente o juros do rotativo do Cartão de Crédito.

Não adiantará explicar na instituição financeira que emitiu o seu cartão que não foi você quem usou este meio de pagamento. Para ela, você é o devedor.

Além disso, existe uma outra situação na qual a pessoa para quem você emprestou pode até lhe pagar, mas com atraso. E aí você também terá incidência de juros em sua fatura, e esse histórico de atrasos ficará em seu nome!

Motivo 4 – Risco de entrar em uma dívida impagável

Relacionado ao risco do não pagamento está o risco de se assumir uma dívida de um valor que não se assumiria. Afinal, pode ultrapassar suas condições de quitação.

Quando você empresa seu cartão a alguém, a utilização da pessoa será com a promessa de pagamento por parte dela. E, portanto, não se faz as contas no momento da compra.

Porém, no caso de a pessoa não pagar, você será titular de uma dívida que você nunca assumiria, pois ela pode não caber no seu orçamento. Enquanto este compromisso, automaticamente, passa a ser seu.

Motivo 5 – Histórico de crédito positivo e score

OK! Você decidiu emprestar seu cartão de crédito ciente dos riscos, principalmente o risco de inadimplência. Saiba que, caso você deixe essa dívida atrasar, ainda assim você será prejudicado.

Mesmo que você renegocie a dívida, parcele, e tire a restrição do seu CPF, você terá em seu histórico uma ocorrência de atrasos e débitos. E o que isso pode gerar?

Quando você precisar de algum crédito, aí sim para você e para a realização de algum sonho seu e da sua família, pode ter esse crédito negado por conta de ter um score, uma pontuação de crédito ruim na instituição financeira.

Motivo 6 – Amigos, amigos, negócios à parte

Certamente você já ouviu esse ditado popular. Ele se encaixa perfeitamente na situação de emprestar (ou não) o cartão de crédito a terceiros.

Quando você empresta um cartão, corre o risco das coisas não saírem como planejado. Você pode ter total confiança na pessoa para quem emprestou o cartão de crédito, mas ela pode passar por intempéries e dificuldades na vida financeira e não honrar o compromisso firmado com você.

E nem precisamos falar que essas situações são propícias para estremecer relações e amizades, né? Portanto, vale a pena pensar bem antes de tomar esta decisão.

Analisando a situação

Uma outra dica que pode lhe ser muito útil na hora de decidir ou não emprestar seu cartão de crédito a algum conhecido é analisar a situação de maneira fria. Pense: se alguém precisa pedir seu cartão de crédito emprestado, provavelmente é porque não possui seu próprio cartão. não é mesmo?

Nenhuma instituição no momento está fornecendo a ele uma linha de crédito por uma modalidade de Cartão de Crédito. E se um banco, que tem todos os recursos que tem, decidiu não ser seguro emprestar para essa pessoa, você acha que seria mais fácil para você lidar com eventuais problemas?

Pense nisso antes de tomar uma decisão e não se esqueça que, se tudo der errado, será a sua vida financeira que poderá sair prejudicada.

Gostou do artigo? Então continue acompanhando nosso conteúdo e aprenda a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos!

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

Equipe André Bona

O Portal André Bona é um site de educação financeira independente, que tem como missão auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e seus produtos. Assine nossa newsletter!

shadow

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *