O cartão de crédito surgiu como mais uma maneira de ajudar as pessoas a consumirem. Considerado uma maravilha para alguns e um perigo para outros, não se pode negar que deixou nosso dia a dia mais prático. As pessoas passaram a poder parcelar e a comprar para pagar somente após algum tempo.

Quando usado de maneira correta, o cartão de crédito pode facilitar muito nossa organização financeira. Mas, se não soubermos controlá-lo, esta forma de pagamento pode virar um grande problema, que levará meses ou até alguns anos para ser resolvido.

Mas afinal, seria o cartão de crédito um mocinho ou vilão? Leia o texto para conhecer as vantagens e desvantagens do cartão de crédito e descubra!

Vantagens do cartão de crédito

Você sabia que o brasileiro é o que mais usa cartão de crédito na América Latina? Cerca de 81,6% usam esse meio frequentemente em suas compras. Ou seja, a grande maioria da população o utiliza, seja por falta de dinheiro, pelas facilidades ou pelos benefícios.

A seguir, confira algumas vantagens do cartão!

Prêmios, descontos e milhas

Uma das maiores vantagens é poder receber cashbacks, descontos e milhas para passagens aéreas. Se você souber usá-lo bem, poderá se beneficiar desses benefícios, que variam de acordo com a bandeira e o tipo do cartão de crédito.

Pagamento no mês seguinte

Por mais que possa prejudicar as finanças de uma pessoa, o fato de poder comprar e pagar no mês seguinte é bem vantajoso para quem não dispõe do dinheiro no momento desejado.

Mas vale lembrar que a pessoa deve ser organizada financeiramente, pois poderá se prejudicar (e muito) se decidir parcelar compras sem ter o valor disponível para quitá-la.

Mesmo sendo um ponto positivo, portanto, é fundamental tomar cuidado para não criar o mal costume de ficar sempre comprando para pagar no mês seguinte.

Controle das finanças

Atualmente existem inúmeros cartões que oferecem a possibilidade de acompanhar, em tempo real, as transações feitas. Se conseguir colocar todas as despesas em uma única fatura, poderá acompanhar seus gastos e analisar as despesas.

Assim, ficará mais claro suas saídas e poderá analisá-las para poder cortar o que for desnecessário.

Facilidade nas compras pela internet

Existem outros meios de realizar compras online, como boleto e PayPal. Mas não se pode negar que o cartão é mais prático e tem as compras aprovadas muito mais rápido.

Enquanto um boleto pode levar até 3 dias para compensar, o cartão geralmente é aprovado na hora. Uma grande vantagem para quem tem pressa.

Garantia de maior segurança

É muito mais seguro andar com o cartão de crédito na rua do que com dinheiro, não é mesmo? Apesar de não ser à prova de roubos ou furtos, ter um cartão de crédito na carteira acaba sendo mais seguro do que andar por aí com dinheiro em espécie.

Para aqueles que temem em perder a carteira e sofrerem com algum furto ou roubo, portanto, andar com o cartão de crédito poderá oferecer maior segurança. Em caso de perda, basta ligar para o banco que administra o cartão e pedir para bloqueá-lo.

Compras parceladas sem juros

Apesar de comprar itens parcelados não ser indicado, essa é mais uma vantagem. Afinal, hoje em dia, a maioria das lojas oferecem parcelamentos no cartão de crédito sem juros. Dependendo do que for comprar, pode ser um benefício muito interessante.

Desvantagens do cartão de crédito

Infelizmente, nem tudo são flores. O cartão também tem suas desvantagens e pode ser o causador de grandes perdas financeiras. Segundo uma pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), cerca de 8 brasileiros em cada 10 possuem dívidas para pagar no cartão.

Em um cenário no qual a falta de educação financeira e de planejamento se tornou crítica no país, muitas famílias se endividaram por não saber controlar o cartão.

A seguir, acompanhe as desvantagens de utilizar esse tipo de serviço, especialmente quando não há controle e planejamento financeiro envolvidos neste uso!

Juros altos

Quem acompanha as notícias financeiras sabe que os juros do cartão de crédito estão cada vez mais altos, e parece que não param de subir. Por isso, atrasar o pagamento ou pior, pagar a fatura parcialmente, poderá comprometer muito suas economias.

Saiba que o valor pago parcialmente sairá muito caro no final do pagamento total da fatura. Para evitar esta situação, o ideal é sempre pagar as contas em dia e se organizar financeiramente para não se prejudicar.

Incentivo aos maus hábitos

Quem é muito compulsivo por compras pode se prejudicar com o cartão de crédito. Por facilitar o consumo, dando a possibilidade de pagar na fatura seguinte, uma pessoa com hábitos ruins de consumo pode acabar comprando tudo o que deseja e se afundar em dívidas. Portanto, deve-se ter muito cuidado.

Inconscientemente, muitos passam a pensar no cartão de crédito como uma renda extra. Tenha em mente, no entanto, que o cartão não coloca dinheiro no bolso, ele apenas tira!

O cartão de crédito, portanto, não pode jamais ser visto como fonte de renda extra ou uma salvação nesse sentido!

Risco de fraudes

Infelizmente, problemas como clonagem de cartões existem, bem como falsos sites que anunciam produtos para captar os dados financeiros dos consumidores. E este pode ser um risco e uma desvantagem de utilizar cartões de crédito no dia a dia, especialmente nos meios online ou em estabelecimentos físicos pouco confiáveis.

Antes de comprar em qualquer site, verifique-o para saber se o mesmo é verdadeiro e tem o certificado SSL. Para compras físicas, não deixe jamais seu cartão de crédito em mãos de terceiros e acompanhe a inserção do mesmo na máquina de cartão.

Cartão de crédito: usar ou não usá-lo, eis a questão

Agora que você conhece algumas das vantagens e desvantagens do uso do cartão de crédito, será que você conseguiu descobrir se é melhor tê-lo ou evitá-lo?

A verdade é que não existe resposta exata a esta pergunta. Mas é possível responder de maneira mais acertada se você conseguir identificar seu perfil.

Se você é uma pessoa organizada, que controla os gastos e não compra por impulso, o cartão pode ser uma boa alternativa. Facilita no controle das finanças, a comprar pela internet e pode beneficiar quem gosta de viajar.

Por outro lado, se você é um consumidor compulsivo, não tem costume de anotar os gastos e não consegue se controlar, evitá-lo será a melhor solução. Isto é, uma pessoa desse perfil poderá se prejudicar, caindo em parcelamentos e pagando juros altíssimos, dificultando seu bem estar financeiro.

Conclusão

O cartão de crédito pode ser considerado mocinho e vilão. Isso depende de como é usado. Há vantagens incríveis como ganhar milhas, segurança, facilidade para comprar online e para organizar os gastos.

Porém, como tudo, tem um lado negativo. Existe o fato de poder ser clonado e deixar a pessoa mal acostumada com a vantagem de comprar parcelado ou pagar no mês seguinte.

Um cartão de crédito, portanto, pode ser maravilhoso para quem sabe usá-lo mas, se não souber, pode se tornar um pesadelo e uma grande roubada. Por isso, utilize-o com responsabilidade e evite cair em armadilhas!

E você, acredita que o cartão seja mocinho ou vilão? Conte-nos nos comentários e compartilhe o artigo em suas redes sociais!

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

Equipe André Bona

Nosso site é um site de educação financeira independente com a missão de auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e os seus produtos. Assine nossa newsletter!

shadow

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *