A educação vem passando por diversas mudanças ao longo dos últimos anos. O modelo de aulas em que uma turma de alunos senta em uma sala fechada para ouvir o professor já não é mais a única opção para adquirir conhecimento.

Algo que está ganhando cada vez mais espaço é a aprendizagem self-service. Oxu seja, aquela em que a pessoa busca se desenvolver de maneira autônoma.

Você já aprendeu algum conteúdo ao estudar sozinho? Quer saber como fazer isso? Conheça mais sobre o assunto neste post completo!

O que é a aprendizagem self-service?

Aprendizagem self-service é mais um termo para se referir a quem é autodidata. Isto é, alguém que pratica formas de aprender sozinho. É importante destacar que o conceito de “sozinho” não quer dizer que você não contará com materiais, professores ou tutores para lhe ajudar.

Na verdade, “estudar sozinho” diz respeito ao método utilizado. Nesse caso, o aluno é o principal responsável por definir o que ele quer aprender e como fará isso. Logo, não depende de um curso ou um professor para montar seu cronograma e delimitar os conteúdos a serem estudados.

A tecnologia é um dos principais recursos por trás do aumento da aprendizagem autônoma. Com o avanço do universo online, é possível encontrar diversos materiais sobre assuntos variados. Assim, ficou fácil adquirir conhecimento fora da educação formal.

Por exemplo, vamos imaginar que um de seus objetivos é aprender outro idioma. Os cursos presenciais já deixaram de ser sua única opção para isso. Hoje, é viável desenvolver uma segunda língua seguindo dicas de sites, utilizando aplicativos, analisando letras de músicas, assistindo filmes, etc.

Da mesma forma, quem se interessa por aprender a cuidar melhor do seu dinheiro consegue adquirir muito conhecimento sozinho. Basta acompanhar blogs especializados, assistir vídeos no YouTube, ler livros e até mesmo participar de cursos online.

Quais são as vantagens dessa técnica?

Tudo indica que a tendência da aprendizagem self-service veio para ficar. Uma pesquisa recente mostrou que pessoas do mundo inteiro têm adotado técnicas para estudar sozinho. Mas por que isso é tão atrativo? Podemos citar vários benefícios!

Um dos principais é o protagonismo. Se você se lembrar de seus tempos de escola ou faculdade, provavelmente pensará em como sentia falta de autonomia em alguns momentos. Afinal, os conteúdos já eram pré-estabelecidos por outras pessoas.

Assim, uma vantagem relevante ao estudar sozinho é ter controle sobre a própria aprendizagem. Um aluno de idiomas, por exemplo, pode adotar apenas estratégias e atividades que considera interessantes, em vez de seguir tudo o que é feito em um curso presencial.

A flexibilidade é outro benefício de aprender sozinho. Principalmente em relação ao tempo, pois não é preciso cumprir determinado horário — você monta sua rotina de estudos. Além disso, há economia de tempo e dinheiro ao não se deslocar para assistir aulas, o que também aumenta a liberdade.

Mais um ponto positivo é a oportunidade de ampliar muito o seu leque de conhecimentos. Afinal, não é preciso se limitar a fazer cursos apenas ligados à sua formação. O aluno pode estudar qualquer assunto de seu interesse. Como em um buffet self-service, você escolhe o que deseja.

Por que é importante estudar sozinho?

A capacidade de aprender de forma autônoma agrega muito valor para sua carreira e também para seu crescimento pessoal. Além de trazer conhecimentos de maneira mais rápida e simples, a aprendizagem self-service também tem outras razões para ser importante.

Uma delas é promover o desenvolvimento de habilidades essenciais. Por exemplo, competências relacionadas ao autocontrole, à organização do tempo e à disciplina. Tudo isso é essencial para conseguir estudar sozinho e vai fazer toda a diferença na sua vida profissional.

Além disso, essa estratégia é importante porque mantém você atualizado sobre as tendências do mercado. Saber utilizar a internet e outros recursos disponíveis para potencializar sua carreira é indispensável nos dias de hoje, certo?

Outro fator indispensável atualmente é a aquisição de conhecimentos múltiplos. Um profissional técnico especializado apenas no serviço que presta não é mais o foco do mercado. É preciso ir além, buscando aprendizagens também em outras áreas de forma autônoma.

Como estudar e aprender sozinho?

Quer contar com as vantagens da aprendizagem self-service, mas não sabe como começar? Podemos ajudar você. Confira algumas dicas para aprender sozinho sem dificuldades!

Saiba o que deseja aprender

Sem dúvida, a primeira etapa precisa ser essa. Há uma infinidade de conteúdos disponíveis para quem pretende estudar sozinho. Por isso, é preciso se organizar e definir quais são os seus interesses.

Do contrário, há o risco de ficar perdido e não conseguir focar em nenhum assunto. Lembre-se de que exercer a autonomia exige que você se conheça e saiba definir quais são suas prioridades.

Seja organizado

Estudar sozinho quer dizer que, na maioria das vezes, não existirá um cronograma definido para que você possa seguir. Logo, a organização é uma necessidade.

Uma boa dica é planejar os seus estudos e registrar tudo: o que quer aprender, os materiais que serão utilizados, os livros a serem lidos, os cursos online que você pode fazer, etc. Definir os dias e horários que usará para estudar também é interessante.

Percebe como aprender sozinho não significa estudar de maneira desorganizada? Para ter resultados efetivos, é preciso se planejar. Assistir aulas e ler materiais avulsos até agrega conhecimento, mas os benefícios são bem maiores quando há planejamento.

Monte um cronograma

Já que estamos falando de organização, que tal montar um cronograma de estudos? Essa é uma ótima técnica para extrair tudo que a aprendizagem self-service oferece.

Você pode definir metas para seus estudos, especificando o que irá aprender e em quanto tempo fará isso. Dessa forma, é mais fácil acompanhar seus resultados e buscar novas aprendizagens constantemente.

Busque bons materiais

Um dos principais segredos para obter sucesso ao estudar sozinho é ter acesso a bons materiais. Portanto, você precisa se certificar de aprender com informações verdadeiras e atuais.

Vale a pena buscar recursos relevantes com pessoas especializadas na área que você quer aprender. Com isso, a segurança de adquirir bons conhecimentos aumenta muito.

Existe todo tipo de material disponível na internet. Pesquise bastante para encontrar aqueles que ofereçam a maior qualidade possível. Então, você vai saber que está aproveitando ao máximo a aprendizagem self-service!

Quer saber o que mais pode ser feito pela sua carreira? Confira nossas dicas para crescer profissionalmente!

Como fazer seu dinheiro trabalhar para você?

Aprender a investir melhor seu dinheiro e tomar boas decisões de investimentos, de acordo com seu planejamento pessoal, é a única maneira de fazer seu dinheiro trabalhar para você e de conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Quer acelerar a conquista da sua liberdade financeira? Então clique aqui e saiba como fazer o seu dinheiro trabalhar para você agora!

Autor

Equipe André Bona

O Portal André Bona é um site de educação financeira independente, que tem como missão auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e seus produtos. Assine nossa newsletter!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *