4 minutes

Cuidar das finanças da família costuma ser uma tarefa desafiadora, não é mesmo? Afinal, o grande volume de informações sobre os ganhos e gastos tende a dificultar o controle financeiro. No entanto, essa atividade pode ser simplificada com o auxílio de uma planilha de orçamento doméstico.

Com a ferramenta, você poderá se organizar melhor e acompanhar efetivamente as receitas e despesas familiares. Dessa forma, é possível aproveitar as vantagens que uma planilha oferecer. Então vale a pena saber mais sobre o assunto para facilitar sua rotina.

Pensando nisso, neste conteúdo você entenderá o que é e como fazer uma planilha de orçamento doméstico de forma prática. Confira!

O que é uma planilha de orçamento doméstico e como funciona?

Uma planilha de orçamento doméstico é uma ferramenta que permite registrar todas as receitas e despesas de uma família. Para utilizá-la corretamente, é preciso anotar as movimentações financeiras dos familiares ao longo de um período.

Isso pode ser feito manualmente, em um caderno, por exemplo. Entretanto, também há a possibilidade de recorrer ao auxílio da tecnologia para otimizar o processo. Entre os programas que disponíveis, estão o Microsoft Excel, LibreOffice Calc e Google Sheets.

Uma informação interessante sobre a ferramenta é que não existe somente um tipo de planilha de orçamento. É possível encontrar outros modelos, os quais são classificados conforme o objetivo e a origem dos gastos. Por exemplo, existem planilhas de controle financeiro pessoal e empresarial.

Ainda, a planilha pode ser dividida considerando a periodicidade do registro — por exemplo, com informações diárias. Nesse caso, a ferramenta deve ser atualizada todos os dias.

Você também pode fazer o controle semanal, mensal ou anual do orçamento, fazendo o lançamento das despesas acumuladas em cada período.

Como uma planilha de orçamento doméstico pode ser útil?

Depois de entender o que é e como funciona uma planilha de orçamento doméstico, é hora de conhecer as vantagens de utilizar a ferramenta. Dessa forma, fica mais fácil compreender como ela pode ser útil no seu dia a dia.

Um dos aspectos positivos da planilha de orçamento doméstico é o fato de que a ferramenta contribui para a redução de custos. Como ela apresenta os registros de todas as despesas, você pode identificar facilmente quais gastos são desnecessários e, então, reduzi-los ou eliminá-los.

Outra vantagem de ter uma planilha de orçamento doméstico é a possibilidade de se manter financeiramente saudável. Ao consultá-la, você saberá quanto dinheiro há disponível no seu caixa pessoal. Assim, fica mais fácil evitar escolhas que poderiam levá-lo ao acúmulo de dívidas.

Mais um fator relevante é que a ferramenta ajuda a alcançar os seus sonhos — e de sua família. Quando você sabe como o dinheiro é gasto, é possível tomar decisões sobre o uso dos seus recursos de modo a favorecer a realização dos seus objetivos, como ter uma aposentadoria tranquila.

Por fim, a planilha de orçamento doméstico ainda possibilita investir de maneira consistente. A partir do controle financeiro, você terá condições de identificar oportunidades de economia. Assim, o dinheiro que sobrar no final do mês pode ser usado para acelerar suas conquistas por meio dos investimentos.

Como fazer uma planilha de orçamento doméstico?

Como você viu, a planilha de orçamento doméstico pode ser bastante útil nas finanças. Entretanto, não basta somente entender a importância da ferramenta — é preciso saber como fazer a sua.

Para ajudar nessa tarefa, veja dicas de como fazer uma planilha de orçamento doméstico!

Escolha a ferramenta para montar sua planilha

O primeiro passo para montar a sua planilha é escolher uma ferramenta para essa finalidade. Como você viu, é possível encontrar inúmeras opções disponíveis no mercado — gratuitas ou pagas, online e offline.

Defina categorias para as receitas e despesas

Após escolher a ferramenta para montar a sua planilha de orçamento doméstico, é o momento de definir as categorias e subcategorias para anotar as receitas e despesas. Nesse sentido, as entradas podem ser divididas em salário, aluguel, pensão e rendimentos de investimentos, por exemplo.

Em relação às saídas, elas podem ser agrupadas conforme o tipo e a destinação dos gastos. Por exemplo, primeiro as despesas devem ser classificadas em fixas e variáveis. Você sabe o que isso significa?

As contas fixas são aquelas cujo valor não se altera ou modifica pouco ao longo do tempo. Esse é o caso do aluguel e da mensalidade do colégio das crianças. Já as despesas variáveis são aquelas que o preço pode oscilar ao longo dos meses — como energia elétrica e conta telefônica.

Dentro das classificações, é possível separar os gastos em habitação, transporte, saúde, educação, lazer e alimentação. Após definir as categorias, crie uma coluna para cada uma delas, listando na ordem que preferir. Ainda, é preciso ter um espaço para inserir os respectivos valores.

Monte o seu painel de controle

Para analisar com facilidade os gastos, é interessante montar um painel de controle. Nele, é possível visualizar gráficos que compilam as principais informações sobre o orçamento familiar. Isso permite compreender melhor as movimentações financeiras lançadas na ferramenta.

Você pode, por exemplo, analisar o total de receitas e despesas mensais. O painel também permite saber qual é o saldo no final dia ou mês e a porcentagem do orçamento gasto no momento da consulta. Ainda, é possível acompanhar a evolução das entradas e saídas ao longo do tempo.

No entanto, montar um painel de controle para a sua planilha de orçamento doméstico exige conhecimentos sobre o uso de fórmulas e gráficos disponíveis na própria ferramenta. Mas não se preocupe: é fácil aprender como usá-las, mas também é possível encontrar planilhas prontas na internet para ajudar em sua rotina.

Entendeu o que é uma planilha de orçamento doméstico? Agora que você já sabe como fazer a sua, pode ter um maior controle sobre as finanças da família. Assim, é possível desfrutar os benefícios que a ferramenta oferece para o dia a dia de todos.

Gostou do conteúdo e quer continuar aprendendo sobre o assunto? Então complemente a leitura e descubra como cuidar melhor do seu dinheiro e ter uma vida mais tranquila!

Share.

O Portal André Bona é um site de educação financeira independente, que tem como missão auxiliar pessoas e famílias a melhor compreender o mercado financeiro e seus produtos. Assine nossa newsletter!

Leave A Reply